Meu coração de poeta

CORAÇÃO DE POETA


Meu coração de poeta

já por algum tempo vaga.

Indo de encontro

a cada uma das minhas
interpretações.


Querendo decerto

Meu coração de poeta

já por algum tempo vaga.

Indo de encontro

a cada uma das minhas

interpretações.

Querendo decerto

que a lua volte e me cubra

de mais uma sensação.

Enquanto que a mulher

que eu amo,

por mim espera.

Oh, morena

não me faças sofrer deste jeito…

se tanto, tanto já controlo

os meus desejos.

Pois quero

todo o teu carinho,

e o que mais tenhas

para me oferecer.

Quero dar vazão

a este coração, entregando-me a ti

em versos e rimas para não me perder

diante de cada

uma das suas seduções.

que a lua volte e me cubra
de mais uma sensação.
Enquanto que a mulher
que eu amo,
por mim espera.


Oh, morena

não me faças sofrer deste jeito…

se tanto, tanto já controlo

os meus desejos.


Pois quero

todo o teu carinho,

e o que mais tenhas

para me oferecer.


Quero dar vazão

a este coração, entregando-me a ti

em versos e rimas para não me perder

diante de cada
uma das suas seduções.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s