Ligre e pumapardo: conheça as espécies híbridas mais bizarras entre os felinos

destaque

Ligre e pumapardo: conheça as espécies híbridas mais bizarras entre os felinos

Muitos especialistas por aí, ao longo dos anos, se dedicaram a criar novos exemplares desses animais a partir dos cruzamentos mais “impossíveis” do mundo. Confira o que resultou dessas experiências:

Perigosos e imponentes, os felinos selvagens são animais com um fascínio especial. Isso porque, além da força, eles são muito bonitos e costumam ser admirados pelos seres humanos, ao mesmo tempo em que representam uma das únicas espécies do mundo capazes de nos tornar suas presas.

Mesmo assim, a ciência não se deu por satisfeita frente à variedade felina que existe nas selvas de todo o planeta. Muitos especialistas por aí, ao longo dos anos, se dedicaram a criar novos exemplares desses animais a partir dos cruzamentos mais “impossíveis” do mundo.

Conheça algumas dessas espécies híbridas mais incríveis que já foram criadas:

1. Ligre

1

Resultado entre o cruzamento de um leão e uma tigresa, o ligre é um animal enorme, bem maior que o tamanho de seus pais. Essa espécie híbrida, aliás, é considerada a maior do mundo dentre os felinos e seus “exemplares” podem chegar a 4 metros de comprimento e 500 quilos!

Mas, mesmo com todo essa “vastidão”, especialistas dizem que os ligres são bichos sociáveis, felizes, dóceis e chegam a demonstrar bastante afeto por seus treinadores. Normalmente eles nascem com pelagem dourada como a dos leões, adornada com listras suaves, descendentes dos tigres.

2. Tigreão

2

Outros que nascem com listras suaves e até chegam a contar com um “início” juba, no caso dos machos são os tigreões. Essa espécie é híbrida e nasce do cruzamento entre leoa e tigre. Apesar de serem mais parecidos com os tigres, esse bichos não são tão grandes, embora possam chegar a pesar cerca de 180 quilos.

3. Pumapardo

3

Resultante do cruzamento entre um puma e um leopardo, os pumapardos não chegam a ser animais grandes e até apresentam certa tendência ao nanismo. Eles normalmente contam com pernas curtas, pelagem marrom-dourada e manchas, herdadas do leopardo. O cruzamento, aliás, pode ser feito com ambas as combinações: puma macho com fêmea de leopardo e vice-versa.

4. Leopon

4

Filhos de leopardo macho com leoa, os machos dessa espécie híbrida nascem com a cabeça semelhante a dos leões, alguns até com juba. O resto do corpo, por outro lado, se assemelha com o dos leopardos. De forma geral os leopons podem chegar a 2,50 metros de comprimento e 150 quilos!

5. Jagleão

5

Esses são animais híbridos, que nascem do cruzamento entre um macho de onça-pintada e uma leoa. Sua pelagem apresenta um tom mais escuro do que a do leão e manchas, parecidas com as do leopardo. Mas, claro, pode haver variações no tom do pelo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s