Edward Mordake – O homem de duas faces

Edward Mordake foi supostamente herdeiro de um cargo importante na Inglaterra no século XIX, alem de um brilhante musico. Tinha tudo pra viver muito bem, mas era portador de uma rara síndrome denominada Craniopagus parasiticus, que acontece quando crânio de gêmeos não se separam e dividem o mesmo corpo.

Segundo diziam, Mordake, visto de frente era um homem encantador mas escondia um rosto adicional aterrorizante na nuca, que era incapazde comer ou falar, mas podia rir e chorar.

Mordake pediu aos médicos uma cirurgia para a remoção da sua segunda face, pois ela sussurrava coisas assustadoras e incompreensíveis durante a noite.

Ele mesmo dizia que quando estava triste, sua outra face ria com se estivesse zombando de seus sentimentos. Diziam que os olhos da segunda face acompanhavam o movimento das outras pessoas.

Após ter seu pedido negado por vários médicos, Mordake decidiu se suicidar aos 23 anos. Existem duas versões de sua morte: A primeira, ele teria se matado com um veneno, na segunda, com um tiro em uns dos olhos da segunda face.

Nas duas versões Mordake teria deixado uma carta pedindo que sua face monstruosa fosse destruída do seu crânio antes do sepultamento, para que ele não continuasse ouvindo sussurros macabros no tumulo.

Edward Mordake - O homem de duas faces

Edward Mordake foi supostamente herdeiro de um cargo importante na Inglaterra no século XIX, alem de um brilhante musico. Tinha tudo pra viver muito bem, mas era portador de uma rara síndrome denominada Craniopagus parasiticus, que acontece quando crânio de gêmeos não se separam e dividem o mesmo corpo. 

Segundo diziam, Mordake, visto de frente era um homem encantador mas escondia um rosto adicional aterrorizante na nuca, que era incapaz de comer ou falar, mas podia rir e chorar.

Mordake pediu aos médicos uma cirurgia para a remoção da sua segunda face, pois ela sussurrava coisas assustadoras e incompreensíveis durante a noite. 

Ele mesmo dizia que quando estava triste, sua outra face ria com se estivesse zombando de seus sentimentos. Diziam que os olhos da segunda face acompanhavam o movimento das outras pessoas. 

Após ter seu pedido negado por vários médicos, Mordake decidiu se suicidar aos 23 anos. Existem duas versões de sua morte: A primeira, ele teria se matado com um veneno, na segunda, com um tiro em uns dos olhos da segunda face.

Nas duas versões Mordake teria deixado uma carta pedindo que sua face monstruosa fosse destruída do seu crânio antes do sepultamento, para que ele não continuasse ouvindo sussurros macabros no tumulo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s