Série de fotos mostra os passaportes vintages de famosos

Todo mundo precisa de um passaporte para fazer uma viagem internacional, até celebridades e pessoas famosas. Essa incrível coleção* mostra os passaportes de pessoas famosas, como Albert Einstein, Ella Fitzgerald, Ernest Hemingway, Janis Joplin, Marilyn Monroe, The Kennedy’s, e Nelson Mandela.Impressionantemente, eles eram mais fotogênicos do que pessoas comuns costumam ser em fotos de documentos. Confira:

passaporte1

Albert Einstein

passaporte2

Audrey Hepburn

passaporte4

Ella Fitzgerald

passaporte5

James Joyce

passaporte6

F. Scott Fitzgerald

passaporte7

John Lennon

passaporte8

Os Kennedy’s

passaporte9

Rene Magritte

passaporte10

Virginia Woolf

passaporte11

Katharine Hepburn

passaporte12

Nelson Mandela

passaporte13

Johnny Cash

passaporte14

Muhammad Ali

passaporte15

Roy Orbison

passaporte16

Walt Disney

passaporte17

Janis Joplin

passaporte18

Marilyn Monroe

* o responsável pela coleção não foi identificado.via

Anúncios

Projeto fotográfico mostra o implacável efeito do tempo nas pessoas

Quase sempre, quando conhecemos pessoas de idade mais avançada, ficamos imaginando como eram suas feições enquanto novo. É o que mostra a série de GIFs que coloca em sobreposição imagens de pessoas mais velhas com fotos de suas feições enquanto jovens, na série Before/After.

Os GIFs foram montados pelo site Aktuálně.cz e originalmente as fotos ficam uma do lado da outra, num projeto do fotógrafo Jan Langer. O mais interessante foi que as pessoas foram fotografadas na mesma posição de suas fotos enquanto jovens, inclusive o tratamento da foto se aproximou também das originais. Temos então a surpresa de ver aquelas peles lindas, lisas e alvas transformadas pelo efeito implacável do tempo, com rugas, manchas e cabelos brancos.

A série nos faz refletir sobre nossos próprios valores, sobre as coisas que priorizamos atualmente, e em como tentamos manipular nossa aparência com maquiagem ou digitalmente. Mas a verdade é que, no passar dos anos, isso de nada adiantará. Nas fotos, as feições das pessoas permanecem intactas, então se as vemos simpáticas quando jovens, é certo que a simpatia permanece quando idosa, assim como pessoas com um ar mais fechado, que continuarão fechadas na velhice. Veja só:

the-effects-of-aging-1

the-effects-of-aging-3

the-effects-of-aging-4

the-effects-of-aging-7

the-effects-of-aging-5

the-effects-of-aging-6

the-effects-of-aging-8

the-effects-of-aging-9

the-effects-of-aging-10

As fotos originais estáticas são essas:envelhecimento

envelhecimento2

envelhecimento3

envelhecimento4

envelhecimento5

envelhecimento6

envelhecimento7

envelhecimento8

envelhecimento9

envelhecimento10

envelhecimento11

Cabeça de cão é mantida viva por máquina

Cabeça de cachorro

Podemos sobreviver caso nossa cabeça seja completamente separada do corpo? Muitos diriam não mas Sergei Brukhonenko conseguiu manter a cabeça de um cão viva. Em 1928 Sergei apresentou um vídeo como prova no Terceiro Congresso de Psicólogos da URSS e graças às maravilhas/horrores da internet, ele está aqui.

Neste vídeo perturbador o cientista manteve a cabeça de um cão viva através de uma máquina chamada “autojector”, um coração e pulmões primitivos que supriam as necessidades de sangue e oxigênio da cabeça.O cachorro reage a diversos estímulos externos, abre os olhos, lambe a boca e parece vivo. Muitos médicos confirmaram, creditando o filme como verdadeiro e outros permanecem céticos, afirmando que é apenas propaganda soviética. E você o que acha? 

Abaixo segue um vídeo sobre o funcionamento da máquina no COMENTÁRIO:Nos dias atuais existem códigos de ética, ou bioética, que não permitiriam esse tipo de ciência faroeste, pois protegem os animais de sofrerem abusos. DEEM SUA OPINIÃO SOBRE ESSE VIDÉO

[Fontes: 1 2 3]

Spa vulcânico de macacacos

macanos no spa vulcânico

Todo mundo ama uma spa relaxante e calmante, até mesmo os babuínos. Os macacos japoneses das fotos, que vivem próximos às fontes termais Jigokudani, em Nagano, ficaram famosos por suas visitas a cada inverno.Mesmo que eles suportem temperaturas de até -15 graus celsius, eles são famosos pela quantidade desproporcional de tempo que passam no spa vulcânico. Eles parece adorar tomar banho na água quente do spa vulcânico.

 

macanos no spa vulcânico

macanos no spa vulcânico

macanos no spa vulcânico

macanos no spa vulcânico

macanos no spa vulcânico

macanos no spa vulcânico

via[Oddity Central]

Descobertas 10 novas espécies de anfíbios na Colômbia

salamandra
Salamandra (Bolitoglossa taylori) potencialmente nova para a ciência, descoberta na Colômbia.

Pesquisadores anunciaram a descoberta de 10 espécies de anfíbios que, acredita-se, eram desconhecidas do mundo científico até então. Entre as “novidades” estão uma rã espinhenta com pernas laranjas, três sapos venenosos e um sapo “de vidro” – chamado assim pela pele transparente, que permite que todos seus órgãos internos sejam vistos.

As descobertas aconteceram durante uma expedição por áreas montanhosas da Colômbia, próximas ao canal do Panamá. Durante três semanas, os cientistas identificaram 60 tipos de anfíbios, 20 espécies de répteis e 120 tipos de pássaro – muitos desses animais só se encontram naquela determinada região.

 

Colostethus sapo venenoso
Sapo venenoso do gênero Colostethus

Cientistas consideram os anfíbios um importante indicador de um ecossistema saudável. Como sua pele é porosa e altamente absorvente, um baixo número de anfíbios pode alertar para más condições, como chuva ácida e contaminação por metais pesados, que também fazem mal às pessoas. Indicam, também, variações climáticas, já que precisam de um ambiente úmido para sobreviver. Além disso, como se alimentam de insetos, os anfíbios ajudam a controlar o número de contaminações de dengue, malária e outras doenças espalhadas por sua presa.

Centrolenidae
Centrolenidae ou ‘sapo de vidro’, que tem a característica de seus corpos serem um pouco translúcidos.

A Colômbia é dona de uma das mais variadas comunidades de anfíbios do mundo, com 754 espécies catalogadas no momento. De acordo com o diretor científico da Conservacion Internacional Colômbia, Jose Vicente Rodriguez-Mahecha, a região em que os anfíbios foram descobertos representa uma verdadeira Arca de Noé. “O número tão alto de anfíbios encontrados lá é um sinal de esperança, mesmo com as ameaças que esse tipo de animal enfrenta em outros países e ao redor do mundo” afirma Rodriguez-Mahecha. 

salamandra
Este é um tipo de ‘sapo da chuva’ (gênero Pristimantis). via [Scientific Blogging]

Vaca sobrevive à relâmpago na Austrália

vaca raio

O Brasil é um dos países com maior incidência de queda de raios no mundo – e é comum que vacas e bois sejam mortos em tempestades elétricas, já que ficam nos pastos, expostos. O gado, às vezes, até morre “em bando”, como no caso de Monte Negro, em 2006, em que 64 vacas morreram por causa do mesmo relâmpago.

No entanto, há um “raio de esperança” para os bovinos. No mês passado, uma vaca da australiana sobreviveu à queda de um raio, perto da região de Cairns.A eletricidade teria passado pelo seu corpo, provocando os ferimentos vistos nas fotos. Não se sabe, ainda, o que teria impedido a vaca de virar churrasquinho. A teoria é que a eletricidade teria entrado pelo par de patas dianteiro e saído pelo traseiro. Mas alguns ferimentos apresentados pela “mimosa” ainda não são entendidos e não condizem com a situação, como as feridas dos joelhos.

Outros eventos ocorridos em Rondônia, no Brasil:

vacas raio

vacas raio

vacas raio

[Ceticismo Aberto, Raios News]

Dave Murray Jones

Dave Murray Jones processou a polícia de Ohio, USA, por danos morais, ao publicarem seu retrato falado. Segundo Jones, o desenho o “deixou feio” e o prejudicou com relação as mulheres. Jones perdeu a ação e o advogado do estado alegou que Jones ao vivo era mais feio do que o desenho.