Esse artista aspirou o ar de Pequim durante 100 dias e criou um tijolo feito de poluição

Nosso sistema respiratório sente, e muito, as consequências de estar diariamente sujeito à poluição, degradação que muitas vezes não vemos. Mas e quando gases, fumaças e outros elementos nocivos tomam forma?

O artista chinês Wang Renzheng usou, por quatro horas, durante 100 dias, um aspirador industrial para sugar o ar de Pequim, que entrou recentemente em estado de alerta vermelho ao alcançar recorde histórico em seu índice de poluição do ar. Em seguida, Wang assou numa forma a poeira coletada e o resultando foi um tijolo de poluição.

pequim1

A performance de Wang, de 34 anos, aguçou a curiosidade dos transeuntes, que lhe lançavam perguntas sobre sua ação, sugerindo que ele fosse algum agente de saneamento local. Ele chegou até mesmo a receber convites para limpar casas.

O projeto do artista recebeu o nome de Dust Project (Projeto Poeira), e por meio dele Wang pretende aguçar o sentido do público em relação à qualidade do ar da China: “Este não é um problema a ser ignorado, e eu quero ampliá-lo tanto que você não possa ignorá-lo”.

pequim3

O pó que começou a ser captado em 24 de julho chegou a 100 gramas, superando a expectativa de Wang, que adicionou à coleta uma mistura usada para fabricar tijolos. O primeiro bloco se juntará à sequência que o artista pretende criar: “Ele deve simplesmente desaparecer como uma gota d’água que vai para o mar”, concluiu.

pequim4

pequim5

pequim6

pequim7

pequim8

pequim9

pequim10

Todas as fotos ©  PP.QQ.COM

TEXTO DO DIA:NÃO MENDIGUE A ATENÇÃO DE NINGUÉM, MUITO MENOS O AMOR

Não mendigue amor daqueles que não têm tempo para você, que só pensam em si mesmos. Nunca faça isso. Não te merece quem te faz sentir-se invisível e insignificante. Te merece quem com sua atenção faz você se sentir importante e presente.

O amor se deve mostrar, mas nunca mendigar. Ter de fazer isso é o reflexo mais fiel da injustiça emocional, do desequilíbrio experimentado pelo sentimento que constrói um relacionamento.

Te merece aquele que diz menos, mas faz mais. Não te merece quem só te procura quando precisa, mas sim quem está ao seu lado quando não precisa e sem interesses.

“No fim, a pessoa que te merece é aquela que tendo a liberdade de escolher, se aproxima de você, te aprecia e te dedica tempo e pensamentos.”

Segredo

Dupla cria lixeira sustentável que promete limpar os oceanos

 

O problema do plástico nos oceanos já não é novidade. A maioria dos objetos que jogamos fora vai parar no mar e, além de contaminar a água, causa danos irreparáveis aos animais marinhos.
 

Sabendo disso, os australianos Andrew Turton e Pete Ceglinki criaram o Seabin, uma espécie de lixeira, que retira qualquer tipo de resíduo da superfície do mar de maneira simples e eficiente. O projeto é como se fosse uma lata normal de lixo com um reservatório e, ligada a uma bomba, suga a água do mar e depois devolve. Tudo o que tiver sujo no mar, é capturado pelo sistema e preso em uma tela de retenção que fica dentro da lata.

Seabin1

A eficiência do projeto já foi testada e comprovada. O Seabin vai conseguir limpar toda a superfície de áreas com águas calmas, como beira do mar, por exemplo. Mas para que tudo isso seja produzido sempre e em grande volume, os australianos decidiram fazer um crowdfunding e conseguir dinheiro o suficiente para o projeto. 

Se quiser ajudar e ver o mar do mundo mais limpo, é só clicar aqui e apoiar o Seabin.

seabincrop

Todas as imagens: Divulgação/Seabin

O casal que deixou a vida estável para viver em um barco e navegar pelo mundo

 
 

São tantas as possibilidades da vida que é raro pararmos para refletir a respeito do que nos faz felizes. Muitas vezes corremos atrás de um trabalho estável e uma vida convencional, para logo então perceber que isso não era exatamente o que queríamos. Foi depois de comprar um barco que Charlie Smith e seu noivo, que atende pelo apelido de Capitain, descobriram que o mar era sua verdadeira paixão.

Mesmo tendo uma experiência bastante limitada com barcos e sem nunca ter vivido em alto mar antes, o casal decidiu navegar pelo mundo. A aventura começou em maio deste ano e já passou pelo oeste do mediterrâneo, tendo visitado países como França, Espanha e Itália.

Atualmente, a rotina do casal inclui atividades como banho de sol, leitura de livros, escutar música e explorar novas cidades. Antes da viagem, Capitain trabalhava como arquiteto e Charlie era uma apresentadora de televisão e modelo, mas o chamado do mar fez com que eles deixassem suas carreiras em busca de uma vida mais livre .

capitain13

Os dois pensavam em viajar, mas sabiam que não se adaptariam bem carregando mochilas e dormindo em albergues ao redor do mundo. “A ideia de velejar foi uma maneira de viajar carregando nosso ‘ninho’ conosco“, conta Charlie. Por terem um barco pequeno, as taxas das marinas em que ancoram costumam ser baixas, o que permite que eles viajem mesmo com um orçamento mais curto, proveniente da venda das coisas que possuíam antes.

Até mesmo o barco em que vivem foi comprado com o dinheiro da venda de sua casa e ambos fizeram diversos cursos para se preparar para a vida no mar. “Tantas pessoas esperam até a aposentadoria para viajar. A maneira como nós vemos isso é que há poucas recompensas sem um pouco de risco“, conta Charlie. Durante a viagem, eles atualizam o blog Captain&Charlie sempre que conseguem um bom sinal de wifi nas marinas onde ficam, o que, confessam, pode ser mais complicado do que parece.

capitain15


Todas as fotos © Captain e Charlie

A história da mulher que deu à luz gêmeos aos 70 anos de idade

 
Nós já lemos e ouvimos de tudo nessa vida no que diz respeito a maternidade. Médicos que recomendam a gravidez até os 35 anos, mulheres felizes e grávidas aos 40, e outras que tiveram filho inesperadamente aos 50. A verdade é que parece não existir fórmula mágica na hora de gerar uma vida e ser mãe, pois cada corpo reage de uma maneira. A história da indiana Omkali Singh é um caso impressionante, já que ela teve gêmeos aos 70 anos de idade e quebrou o recorde mundial como a mulher mais velha a parir uma criança.

Mas nem tudo são flores. Grávida aos 70 anos do marido de 80, deu à luz o menino Amritwani e a menina Barsaat, em 2008, mas Omkali não imaginava que a vida ao lado da filha duraria tão pouco. A garota faleceu tragicamente aos quatro anos de idade. O casal, que vive em Uttar Pradesh, na Índia, tem ainda duas filhas mais velhas e cinco netas.

Hoje, o menino está com seis anos de idade e muita energia para gastar. A mãe confessa as dificuldades enfrentadas por conta da idade. “Não consigo dar banho nele da maneira adequada, é difícil correr atrás dele para alimentá-lo, na idade em que estou”. O pior de tudo não são os cuidados com Amritwani, mas o julgamento da sociedade quando sua gravidez veio à tona na grande mídia, fazendo com que ela enfrentasse duras críticas ao redor do mundo. Apesar disso, teve o apoio de algumas mães de sua região e se sentiu amparada.

Mesmo com a idade avançada (agora com 76), Omkali diz não ter medo da morte, pois o garoto será bem cuidado por sua filha mais velha. E, ainda assim, revela um desejo: o de que o garoto se case rapidamente, para que ela possa ainda presenciar este momento de sua vida. Como sempre quis ter um filho homem, se diz feliz da vida por tê-lo por perto e aproveita os momentos que tem ao lado do pequeno Amritwani.

omkali11 

omkali12 

Worlds-oldest-mother 

omkali2 

He Keeps Me Young: 80-Year-Old Mum Is Mother To Six-Year-Old Boy 

omkali4 

omkali10 

omkali7 

omkali9 

c5 

omkali 

Meet The World's Oldest Mother
Todas as fotos © Arkaprava Ghosh/Barcroft India

Floresta de 400 árvores tortas na Polônia ainda é um mistério

Um pequeno bosque de pinheiros em West Pomerania, na Polônia, se tornou famoso por causa das suas 400 árvores tortas. Todas têm uma curva estranha na base.
Por quê?Ninguém sabe ao certo.

As árvores foram plantadas por volta de 1930, quando a região pertencia à Alemanha. Todas as plantas fazem um desvio bizarro de 90 graus logo após sair do chão, formando uma curvatura graciosa ao voltar a uma posição ereta.
A maioria das pessoas acredita que a inclinação das árvores se deve a um processo mecânico intencional. Plantas podem ser manipuladas para ficarem curvadas com diversos fins, por exemplo, para a construção de móveis.
Outros teorizam que uma queda de neve grave pode ter causado o fenômeno curioso.
Seja qual for a verdadeira história por trás dessas árvores, sua natureza estranha e bela foi capturada perfeitamente pelas lentes do fotógrafo Kilian Schönberger. Confira: [BoredPanda]
 
 
 
 
 
arvores tortas polonia (6)

Bar com temática steampunk faz sucesso na Romênia

O movimento steampunk nasceu da literatura e tem raízes no cyberpunk, gênero ramificado de uma ficção científica que engloba tecnologia muito mais avançada do que a da época e paralelos futuristas. Com esta temática em mente, o Enigma Café, na Romênia, tem feito sucesso por conta de seu visual ousado, com uma pegada industrial e steampunk, baseada em mecanismos movidos a vapor.

Cheio de engrenagens, esculturas cinéticas e peças únicas de arte, o espaço na cidade de Cluj-Napoca parece de outro mundo. Os designers romenos Alexandru Tohotan e Zoltan Zelenyak foram os responsáveis pela obra prima, que levou dois anos para ficar pronta. A dupla já tem no currículo outros trabalhos de peso com foco no steampunk: o The Submarine e o Joben Bistro.

O visual impressionante fez com que o bar e cafeteria ganhasse fama online antes mesmo de ser aberto. Um grande relógio com peças rotativas é um dos itens decorativos mais marcantes do local, fazendo com que as pessoas se sintam dentro dele. Os detalhes são impecáveis e incontáveis, dando ao pub um ar fantasioso, obscuro, moderno e absolutamente curioso.

Abaixo tem um vídeo sobre o local:

enigmacafe4

enigmacafe

enigmacafe13

enigmacafe3

enigmacafe10

enigmacafe11

enigmacafe14

enigmacafe-topo

enigmacafe8

enigmacafe6

enigmacafe5

enigmacafe2

enigmacafe3

enigmacafe2

enigmacafe

enigmacafe9

enigmacafe12

enigmacafe4

Todas as fotos © 6sense