Smeagol √© descoberto no Brasil

opilao - smeagol brasileiro

Nomeado em homenagem ao personagem de ‚ÄúSenhor dos An√©is‚ÄĚ, Smeagol, uma nova esp√©cie de opil√£o (animal aracn√≠deo) sem olhos foi encontrada engatinhando em uma caverna √ļmida no sudeste do Brasil. Eles nunca saem de sua casa subterr√Ęnea, o que torna esta uma descoberta preciosa para todos os envolvidos.

A espécie é altamente modificada em comparação com seus semelhantes. A pesquisa que levou a sua descoberta foi feita pela equipe do Dr. Ricardo Pinto-da-Rocha, do Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo, juntamente com a Dra. Maria Elina Bichuette e Rafael Fonseca-Ferreira, da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

Poucos, mas preciosos

Embora existam habitantes das cavernas que podem sobreviver facilmente acima do solo e at√© mesmo regularmente saem para se alimentar ou matar, h√° alguns, tais como os integrantes desta nova esp√©cie de opil√£o, a Iandumoema smeagol, que absolutamente NUNCA deixam seus habitats subterr√Ęneos. Como uma adapta√ß√£o, a nova esp√©cie n√£o tem olhos e tem uma quantidade reduzida de pigmenta√ß√£o, atrav√©s da qual mostra cores amareladas p√°lidos.

Os 14 adultos e jovens indivíduos da espécie que foram observados pelos pesquisadores demonstraram um comportamento de ficar sempre perto da água, e mais frequentemente preferir as paredes das cavernas molhadas. Enquanto os jovens pareceram bastante ativos, os adultos mostraram um comportamento mais sedentário.

opilao - smeagol brasileiro habitat

Outra caracter√≠stica marcante √© que a nova esp√©cie foi encontrada em uma caverna com dep√≥sitos de mat√©ria org√Ęnica ou manchas. Em uma ocasi√£o, a equipe tamb√©m observou que um dos animais estava se alimentando de carca√ßas de invertebrados.

Em conclus√£o, os autores destacam que estudos adicionais sobre a biologia populacional da esp√©cie s√£o urgentes para tra√ßarmos uma estrat√©gia de conserva√ß√£o adequada. Isso √© importante porque o habitat destes animais poder√°, muito provavelmente, sofrer as consequ√™ncias do desmatamento que afeta as imedia√ß√Ķes da caverna.[phys]

11 LUGARES COM √ĀGUAS CRISTALINAS PELO BRASIL QUE VOC√ä PRECISA CONHECER

O Brasil deixa a desejar em muitas coisas, mas n√£o d√° para pensar em ficar longe de suas belas praias, que se destacam no mundo todo. Em especial, as regi√Ķes litor√Ęneas com √°guas cristalinas causam um encantamento ainda maior e, por isso, lugares como o Caribe fazem tanto sucesso entre os turistas.

Para a nossa sorte nem é necessário ir tão longe, já que a diversidade é ponto alto na nossa terra verde e amarela. O azul intenso na bandeira pode ser encontrado também em rios e grutas no interior de alguns estados.

Não perca mais tempo pensando na cotação do dólar e do euro. Vamos explorar as águas surpreendentes do Brasil? Acompanhe a lista de 10 lugares com águas de fazer inveja a qualquer estrangeiro.

1. Morro de S√£o Paulo

Em duas horas de barco de Salvador, você chega a esta ilha incrível e isolada, onde não entram carros. A gastronomia é ponto forte, assim como as noites animadas e as praias de águas intensamente azuis.

morrospFoto © 

2. Pen√≠nsula de Mara√ļ

Interior da Bahia, a Pen√≠nsula re√ļne algumas das praias mais lindas da regi√£o, com √°guas cristalinas ideais para a pr√°tica de mergulho. S√£o 40 praias praticamente desertas entre Morro de S√£o Paulo e Itacar√©, como Taipus de Fora.

marauFoto © hiddenpousadasbrazil

3. Praia de Atalaia

Muito protegida para manter os recifes intactos, a praia em Fernando de Noronha se destaca pela piscina natural que √© um verdadeiro ber√ß√°rio de tubar√Ķes. S√≥ √© permitida a entrada de 100 pessoas por dia e o mergulho s√≥ pode ser feito com a mar√© alta.

FernandoNoronha

4. Rio Triste

N√£o tendo nada de triste, este rio a 17 quil√īmetros de Bom Jardim, no Mato Grosso, fica na regi√£o de Nobres e surpreende por suas √°guas transparentes, ideais para a pr√°tica de snorkel.

rio tristeFoto © 

5. Gruta do Lago Azul

O azul da √°gua nesta gruta de Bonito, no Pantanal, √© uma inc√≥gnita por ser t√£o diferente, escuro e muito intenso. Considerada umas das maiores cavidades inundadas do planeta, a gruta j√° reuniu diversas teorias sobre a cor da √°gua, mas pode ser que a origem seja de um rio subterr√Ęneo. O mist√©rio atrai ainda mais para um mergulho.

gruta-azulFoto © wikipedia

6. Bombinhas

Santa Catarina tem praias fantásticas, mas a praia de Bombinhas se destaca. A cor da água é um verdadeiro convite em dias ensolarados, num local cercado pela natureza.

bombinhasFoto © bombinhas

7. Gruta da Pratinha

Parece de mentira, mas √© ‚Äús√≥‚ÄĚ uma gruta linda na Chapada da Diamantina, que tem √°guas intensamente azuis e transparentes, ideais para observar os peixes.

pratinhaFoto © Julia Guimarães via urbonu

8. Arraial do Cabo

O Rio de Janeiro pode ser a Cidade Maravilhosa, mas s√£o nos arredores da capital que se encontram algumas das praias mais bonitas. Arraial do Cabo fica a apenas 140 quil√īmetros da capital e encanta turistas do mundo todo, mantendo um peda√ßo da Mata Atl√Ęntica e √°guas cristalinas.

arraial do caboFoto © arraialtur

9. Rio Sucuri

Estranho pensar que existem rios de √°guas cristalinas. Mas em Bonito, no Pantanal, est√° um dos mais lindos e encantadores do mundo, de onde d√° para avistar os peixes facilmente.

sucuriFoto © vidadeturista

10. Ilha de Boipeba

Tamb√©m na Bahia, a ilha em Valen√ßa, a 300 quil√īmetros de Salvador, pode ser o recanto perfeito para quem quer fugir de tudo. As √°guas de azul intenso s√£o um encontro do oceano com o estu√°rio do Rio do Inferno.

boipebaFoto © dicasdeferias

11. Cavalcante

Na Chapada dos Veadeiros, mais precisamente em Cavalcante, a cachoeira Santa Bárbara chama a atenção pelo poço de água cristalina, um tanto quanto chamativa. O local é ótimo para mergulho e para lavar a alma na queda de 35 metros de altura.

CavalcanteFoto © rodoviariadegoiania [Via]

Casas bem preservadas da Idade do Bronze s√£o descobertas no Reino Unido

https://i2.wp.com/hypescience.com/wp-content/uploads/2016/01/idade-do-bronze-pompeia-britanica-5.jpg

Arque√≥logos dizem ter descoberto a ‚ÄúPompeia Brit√Ęnica‚ÄĚ: as habita√ß√Ķes mais bem preservadas da Idade do Bronze j√° encontradas no Reino Unido.

As casas de madeira circulares, construídas sobre palafitas, fazem parte de um assentamento em Must Farm, Cambridgeshire. Elas datam de cerca de 1000 a 800 aC.

Um inc√™ndio destruiu os postes, fazendo com que as casas ca√≠ssem em um rio. Por sua vez, a lama ajudou a preservar os materiais. A compara√ß√£o com Pompeia √© justa: at√© mesmo panelas com refei√ß√Ķes ainda dentro foram encontradas no local.

https://i1.wp.com/hypescience.com/wp-content/uploads/2016/01/idade-do-bronze-pompeia-britanica-4.jpg

Achados fascinantes

Os pesquisadores acreditam ter encontrado cerca de cinco casas, que agora estão sendo escavadas.A Idade do Bronze na Grã-Bretanha durou de 2500 a 2000 aC, até o uso de ferro tornar-se comum, entre 800 a 650 aC.

https://i1.wp.com/hypescience.com/wp-content/uploads/2016/01/idade-do-bronze-pompeia-britanica-2.jpg

Restos cl√°ssicos da √©poca no assentamento incluem machados sofisticados, objetos de ouro preciosos e t√ļmulos redondos, os quais ainda podem ser vistos pela Gr√£-Bretanha.

Os arque√≥logos tamb√©m encontraram pequenas x√≠caras, ta√ßas e jarras, al√©m de pe√ßas de vidro ‚Äúex√≥ticas‚ÄĚ que faziam parte de um colar e insinuam uma sofistica√ß√£o que n√£o √© geralmente associada com a Idade do Bronze. Por fim, tecidos feitos de fibras vegetais, como a casca de uma √°rvore chamada t√≠lia, tamb√©m foram desenterrados.

https://i2.wp.com/hypescience.com/wp-content/uploads/2016/01/idade-do-bronze-pompeia-britanica-6.jpg

https://i0.wp.com/hypescience.com/wp-content/uploads/2016/01/idade-do-bronze-pompeia-britanica-7.jpg

Dois metros abaixo da superfície do assentamento, os pesquisadores ainda encontraram pegadas preservadas, que se acredita serem das pessoas que lá viviam.

Dificuldades que valer√£o a pena

A escava√ß√£o precisar√° ser r√°pida. Existem preocupa√ß√Ķes que o n√≠vel da √°gua no local possa cair em algum momento no futuro, de forma que os restos das casas n√£o podem ser preservados in situ.

https://i0.wp.com/hypescience.com/wp-content/uploads/2016/01/idade-do-bronze-pompeia-britanica-1.jpg

‚ÄúUm inc√™ndio dram√°tico 3.000 anos atr√°s, combinado com subsequente preserva√ß√£o alagada, deixou-nos um momento congelado no tempo, o que nos d√° uma imagem gr√°fica da vida na Idade do Bronze‚ÄĚ, disse Duncan Wilson, presidente-executivo da Historic England, que est√° financiando a escava√ß√£o em conjunto com a Forterra. ‚ÄúEste s√≠tio √© de import√Ęncia internacional e sua escava√ß√£o vai realmente transformar a nossa compreens√£o do per√≠odo‚ÄĚ

https://i2.wp.com/hypescience.com/wp-content/uploads/2016/01/idade-do-bronze-pompeia-britanica-8.jpg

David Gibson, da Cambridge Archaeological Unit, o l√≠der da escava√ß√£o, disse: ‚ÄúPodemos realmente ver a vida cotidiana durante a Idade do Bronze. √Č arqueologia pr√©-hist√≥rica em 3D, com achados insuper√°veis tanto em termos de variedade quanto de quantidade‚ÄĚ.

Enquanto outros assentamentos da Idade do Bronze j√° foram encontrados no Reino Unido, nenhum √© t√£o bem preservado. ‚ÄúA maioria n√£o tem qualquer madeira restante, apenas furos e marcas de onde os postes teriam estado‚ÄĚ, explica Gibson. ‚ÄúAt√© agora, este √© √ļnico s√≠tio com a estrutura do telhado tamb√©m‚ÄĚ.

Uma vez que todos os itens do local forem recuperados, limpos e documentados, devem ser colocados em exposi√ß√£o p√ļblica. [BBC]

Mensagem de Reflex√£o

https://i1.wp.com/cdn.shopify.com/s/files/1/0249/2772/products/project001.staff.033PrintHouse_1024x1024.jpg

Às vezes é necessário excluir pessoas, apagar lembranças, jogar fora o que machuca, abandonar o que nos faz mal, se libertar de coisas que nos prendem… Espere sempre o melhor, prepare-se para o pior e aceite o que vier. Ouse, arrisque, não desista jamais e saiba valorizar quem te ama, esses sim merecem seu respeito. Quanto ao resto, bom, ninguém precisou de resto para ser feliz.

FOT√ďGRAFO CRIA S√ČRIE INCR√ćVEL QUE MOSTRA A VIDA POR CIMA E POR BAIXO D‚Äô√ĀGUA AO MESMO TEMPO

Quem ama a vida mar√≠tima e n√£o consegue sequer esperar o pr√≥ximo mergulho vai se encantar com a s√©rie Over/Under (‚ÄúSobre/Abaixo‚ÄĚ, em portugu√™s), que mostra o que acontece em cima e embaixo d‚Äô√°gua ao mesmo tempo.

A ideia inovadora √© uma cria√ß√£o do fot√≥grafo australiano Matthew Smith. Na parte superior das fotografias, o universo √© mais do que conhecido: p√īr-do-sol, √°rvores, rochas; enquanto a parte inferior √© ocupada pela vida marinha com suas algas, peixinhos, medusas e corais.

As fotografias s√≥ foram poss√≠veis com uma t√©cnica √ļnica, ajustando a ilumina√ß√£o e o foco das duas √°reas separadamente. Mas, mais do que tudo, a s√©rie mostra um lado do fot√≥grafo, que √© tamb√©m mergulhador nas horas vagas e aproveita para compartilhar suas experi√™ncias sob a √°gua.

‚ÄúEssa √© talvez a melhor maneira que eu tenho para explicar para um n√£o-mergulhador sobre como √© mergulhar, casar um mundo molhado e n√£o familiar com um seco e mais conhecido‚ÄĚ, conta ele sobre as incr√≠veis fotografias que voc√™ v√™ abaixo.

over1

over2

over3

over4

over5

over6

over7

over8

over9

over10

over11

over12

over13

over14

Todas as fotos © Matty Smith

As incr√≠veis esta√ß√Ķes de metr√ī de Estocolmo que parecem um labirinto de arte

H√° muito o que fazer em Estocolmo. J√° no aeroporto de Arlanda, voc√™ encontra um simulador de clima para diversas cidades do mundo, mas as atra√ß√Ķes da cidade n√£o param por a√≠: ela¬†tamb√©m possui uma das ruas verdes mais bonitas do mundo¬†e √© considerada uma das mais seguras do planeta.

Mas os motivos para conhecer a capital e maior cidade da Su√©cia¬†v√£o muito al√©m de sua superf√≠cie: seu sistema de metr√ī √© conhecido por ser a maior exposi√ß√£o de arte do mundo, com 110 quil√īmetros de extens√£o. Mais de 90 das 100 esta√ß√Ķes encontradas na cidade s√£o decoradas com obras de 150 artistas, que v√£o de mosaicos a instala√ß√Ķes de arte.

Quem utiliza o transporte p√ļblico poder√° conferir todas essas atra√ß√Ķes ao longo do passeio ‚Äď e pagando apenas o valor das passagens ‚Äď o que faz com que voc√™ n√£o tenha desculpas para pensar em pegar um t√°xi enquanto estiver por l√°. As fotos abaixo s√£o a prova de que voc√™ vai querer andar nesse metr√ī todos os dias.

Vem ver:

estocolmo1

estocolmo2

estocolmo3

estocolmo4

estocolmo5

estocolmo6

estocolmo7

estocolmo8

estocolmo9

estocolmo10

estocolmo11

estocolmo12

estocolmo13

Veja tamb√©m outras cidades com esta√ß√Ķes de metr√ī que s√£o verdadeiras obras de arte.

Todas as fotos © Luis Rodriguez

li-fi

Voc√™ j√° ouviu falar da Li-Fi? √Č uma tecnologia sem fio que transmite dados em alta velocidade utilizando ‚Äúcomunica√ß√£o de luz vis√≠vel‚ÄĚ (VLC, na sigla em ingl√™s).

Inventada por Harald Haas, da Universidade de Edimburgo, na Esc√≥cia, em 2011, a transmiss√£o √© feita piscando a luz de um √ļnico LED. Haas demonstrou que esse m√©todo pode enviar muito mais dados do que uma torre de celular.

O registro baseado em laborat√≥rio √© de 224 gigabits por segundo ‚Äď cerca de 18 filmes de 1,5 GB sendo transferidos a cada segundo! (Eu sei. D√° vontade de chorar quando voc√™ lembra que sua realidade √© muito diferente deste sonho).

Ou seja, o potencial de transformação da internet desta tecnologia é enorme.

O teste no mundo real

Agora, os cientistas finalmente levaram o Li-Fi para fora do laborat√≥rio. A tecnologia est√° sendo testada em escrit√≥rios e ambientes industriais em Tallinn, na Est√īnia, com transmiss√£o de dados de 1 GB por segundo ‚Äď o que √© 100 vezes mais r√°pido do que a m√©dia atual de velocidade do Wi-Fi.

Para utilizar a VLC, os pesquisadores projetaram uma solução de iluminação inteligente para um ambiente industrial, onde a comunicação de dados é feita através da luz visível entre 400 e 800 terahertz (THz).

Funciona basicamente como uma forma incrivelmente avan√ßada de c√≥digo Morse ‚Äď assim como um determinado padr√£o de tra√ßos pode transmitir uma mensagem secreta, ligar e desligar uma luz LED em velocidades extremas pode ser um m√©todo usado para escrever e transmitir dados em c√≥digo bin√°rio.

N√£o se preocupe, sua casa ou escrit√≥rio n√£o vai piscar constantemente ‚Äď tais velocidades extremas s√£o impercept√≠veis a olho nu.

Ainda vai demorar

Além das velocidades potencialmente muito mais rápidas, como a luz não pode passar através das paredes, a rede torna-se muito mais segura e há menos interferências entre os dispositivos.

Apesar de todos esses benefícios, o Li-Fi provavelmente não irá substituir completamente o Wi-Fi nas próximas décadas. Isso porque nossas casas, escritórios e edifícios industriais já são equipados com infraestrutura para fornecer Wi-Fi, e substituir tudo com a tecnologia Li-Fi não é particularmente viável.

Ao invés disso, as duas tecnologias podem ser utilizadas em conjunto para alcançar redes mais eficientes e seguras. Aos poucos, uma mudança maior deve ocorrer.

Os primeiros passos

Haas e sua equipe já estão trabalhando em uma forma comercial da tecnologia, a PureLiFi, que oferece um aplicativo para acesso seguro à internet sem fio com uma capacidade de 11,5 MB por segundo, o que é comparável a primeira geração de Wi-Fi.

A empresa Oledcomm também está no processo de instalação de sua própria tecnologia Li-Fi em hospitais da França.

Dentro de alguns anos, o sonho de Haas pode se tornar realidade.

‚ÄúTudo o que precisamos fazer √© encaixar um pequeno microchip em cada dispositivo de ilumina√ß√£o potencial e este, ent√£o, vai combinar duas funcionalidades b√°sicas: ilumina√ß√£o e transmiss√£o de dados sem fio‚ÄĚ, disse o vision√°rio em uma palestra do TED Talks em 2011. ‚ÄúNo futuro, n√£o teremos apenas 14 bilh√Ķes de l√Ęmpadas, teremos 14 bilh√Ķes de Li-Fis implantados em todo o mundo para um futuro mais limpo, mais verde e ainda mais brilhante‚ÄĚ. [ScienceAlert]

Homem em busca de uma vida mais simples constr√≥i casa na floresta com menos de 4 mil d√≥lares

O verde das folhas, o som dos pássaros e a calma e a liberdade de se viver longe de tudo. Para conquistar isso, Dave Herrle teve de abrir mão de muita coisa, mas afirma ter valido a pena. Desde o outono de 2013, ele e a esposa moram na Wee House, uma cabana que foi construída nas florestas de Connecticut (EUA) e custou menos de US$ 4 mil para ser feita.

Dave Herrle, que antes trabalhava de terno e gravata em um escrit√≥rio, encantou-se pela possibilidade de viver uma vida simples e hoje realiza atividades de carpintaria para se manter. Muito do que aprendeu foi colocando a m√£o na massa ao construir a cabana. Para isso, ele contou com madeira descartada de constru√ß√Ķes e com a doa√ß√£o de portas e janelas de casas demolidas ‚Äď o custo maior ficou por conta das ferramentas e do acabamento.

A Wee House é uma simpática cabana de dois andares, com cozinha e sala de estar no térreo e um pequeno quarto na parte de cima. Na propriedade, Dave construiu uma segunda casa, onde há um banheiro e uma cozinha maior. Vão-se as TVs a cabo, congestionamentos e comida congelada, fica a liberdade.

Olha só:

wee-house1

wee-house2

wee-house3

wee-house4

wee-house5

wee-house6

wee-house7

wee-house8

wee-house9

wee-house10

Todas as fotos © Sarah Grote

Fot√≥grafo lan√ßa livro com s√©rie de retratos √≠ntimos e expressivos de animais dom√©sticos

O fot√≥grafo brit√Ęnico Robert Bahou cresceu numa casa onde os animais transitavam livremente. Gatos, cachorros e at√© mesmo¬†cavalos¬†marcaram sua inf√Ęncia e fizeram com que seu olhar pudesse captar, no futuro, a ‚ÄúAlma Animal‚ÄĚ.

Animal Soul √© o primeiro livro de fotografias do artista, financiado via Kickstarter. Para compor a publica√ß√£o, Robert contou que fez uma cuidadosa curadoria dos animais, a fim de capt√°-los de perto; e acrescenta que os animais t√™m uma rela√ß√£o diferente da nossa ao serem fotografados: ‚ÄúEles n√£o se ajustam, n√£o escolhem seu melhor lado, j√° t√™m o rosto preparado e n√£o escondem nada. O que nos resta √© um momento verdadeiramente honesto entre eles e a c√Ęmera‚ÄĚ.

AnimalSoul1

Abaixo o vídeo de apresentação do projeto e algumas das fotos que podem ser encontradas no livro:

https://www.kickstarter.com/projects/1498570909/animal-soul/widget/video.html

AnimalSoul2

livro2

livro3

livro4

livro5

livro6

livro8

livro9

livro10

livro11

livro12

livro13

livro14

livro15

livro16

livro17

livro18

livro19

livro20

livro1

Todas as fotos © Robert Bahou

Nesta floresta tropical da Costa Rica, fica o lago do azul mais intenso que voc√™ j√° viu

Qual √© o azul mais forte que voc√™ j√° viu no mar? Os tons s√£o infinitos, mas nesta floresta tropical da Costa Rica pode ser que voc√™ encontre o lago azulado mais intenso que voc√™ j√° viu. Dentro do Parque Nacional¬†Tenorio Volcano, o¬†rio Celeste chama a aten√ß√£o por conta da colora√ß√£o surreal, obtida devido rea√ß√Ķes de compostos qu√≠micos.

A explica√ß√£o para a cor turquesa foi um tanto dif√≠cil de ser conclu√≠da pelos cientistas. Alguns apontavam que a ilumina√ß√£o e o reflexo solar justificavam o cor, mas na verdade tudo indica que¬†deriva da mistura de gases sulf√ļricos com carbonato de c√°lcio, ambas liberadas pelo vulc√£o Tenorio, que d√° nome ao parque. A rea√ß√£o acaba trazendo √† tona um cheiro forte.

Este tom fascinante, por√©m, s√≥ aparece na conflu√™ncia dos rios Buena Vista e Roble, que s√£o cristalinos, ponto este chamado de¬†Te√Īideros. O encontro das √°guas revela uma mudan√ßa brusca em suas cores. Olha que incr√≠vel:

https://i2.wp.com/nomadesdigitais.com/wp-content/uploads/2016/01/rio-celeste-36.jpg

https://i2.wp.com/nomadesdigitais.com/wp-content/uploads/2016/01/rio-celeste-56.jpg

https://i0.wp.com/nomadesdigitais.com/wp-content/uploads/2016/01/rio-celeste-42.jpg

Fotos © The Rohit

https://i2.wp.com/nomadesdigitais.com/wp-content/uploads/2016/01/rio-celeste-66.jpg

Foto © François Bianco

https://i1.wp.com/nomadesdigitais.com/wp-content/uploads/2016/01/rio-celeste-16.jpg

Foto © Bruce Thomson

https://i2.wp.com/nomadesdigitais.com/wp-content/uploads/2016/01/rio-celeste-22.jpg

Foto © Efrain Gonzalez Buitrago

https://i1.wp.com/nomadesdigitais.com/wp-content/uploads/2016/01/rio-celeste-76.jpg

Foto © Steve Corey