A PRAIA NA ESTÔNIA QUE SE FORMOU EM VOLTA DAS RUÍNAS SUBMERSAS DE UMA ANTIGA PRISÃO

O fundo do mar tem mistérios surpreendentes, muitas vezes ainda não descobertos ou explorados pelo homem, que mesmo tão curioso não conseguiu alcançar toda a profundidade possível. Um dos fatos mais curiosos e que podemos conferir de perto é a prisão submersa de Rummu, ao noroeste da Estônia.

A pequena cidade abrigava uma prisão soviética chamada Murru e uma pedreira, fundada em janeiro de 1938. Em 1991, quando a União Soviética entrou em colapso, a Estônia conquistou sua independência e a pedreira foi extinta. Ao longo do tempo, o nível de água da chuva formou um lago, dando origem a uma pequena praia que atualmente é ponto turístico dos mais interessantes no país.

A prisão se transformou em ruínas quase que submersas e os locais passaram a chamar o local de Lagoa Azul, um belo recomeço para um lugar tão triste antigamente, onde havia trabalho forçado e almas perdidas. A praia tem águas cristalinas de até 40 metros de profundidade, onde as ruínas da cadeia parcialmente cobertas acabaram virando ponto de salto e sinônimo de diversão.

O vídeo abaixo dá a conhecer um pouco mais do local:

rummu2

rummu4

rummu5

rummu

rummu6

rummu8

rummu9

rummu3

Fotos: 1. wikipedia; 2. smarttravel; 3. amazingplacesonearth.; 4. m6mmik; 5. wikimedia; 6.Dronestagram; 7. Stara; 8. youtube;
Anúncios

3 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s