Depois de 140 anos de funcionamento e muito polêmica, zoológico de Buenos Aires fecha as portas

Depois de uma semana triste para o mundo animal com a morte da onça-pintada onça-pintada Juma, e do Gorila Harabe nos Estados Unidos no mês passado: uma boa notícia: o zoológico de Buenos Aires decidiu fechar as portas após 140 anos de funcionamento!

Mas a boa notícia não acaba por aí! O local onde funciona o zoo será transformado em um parque ecológico que visa a educação ambiental, e será aberto no dia 18 de julho. Os 1.500 animais serão transferidos para santuários fora do país e 50 continuarão na Argentina devido às condições de saúde críticas.

Fachada do Zoológico que agora será transformado em centro ecológico. Foto: Wikimedia Commons

Fundado em 1875, o famoso zoológico foi reconhecido como Monumento Histórico Nacional em 1997. Localizado em Palermo, bairro nobre da cidade, vem sendo alvo de críticas há alguns anos e em 2014 a Associação de Funcionários e Advogados pelos Direitos dos Animais (Afada) conseguiu um “habeas corpus” assegurando que a orangotango Sandra fosse tratada como “sujeito não humano”; assim pedindo sua libertação do cativeiro. Também em 2015, um filhote de girafa e dois lobos marinhos falecerem.

A orangotango Sandra que foi salva por ativistas. Foto: Natacha Pisarenko / AP

O prefeito, Horácio Rodríguez Larreta, disse em entrevista coletiva que as condições do cativeiro são degradantes para os animais, e que não é a maneira de cuidar deles.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s