Nunca é tarde: casal de idosos conta o que aprendeu após vender seus pertences para descobrir o mundo

As longas viagens exigem algumas coisas de nós, entre elas, a necessidade de sermos econômicos, flexíveis e desprendidos. Num ato de coragem, o casal Don e Alison Armstrong, de 72 e 64 anos, abriram mão de seus pertences, que foram vendidos para bancar o sonho de percorrer diversos países juntos. Levando ao pé da letra a frase “antes tarde do que nunca”, eles compartilham sua jornada no blog Adventures in Wonderland.

Apesar da idade avançada, eles não desistiram da ideia que tanto martelou em suas cabeças ao longo dos anos. Depois de se aposentar aos 68 anos e desenvolver alguns problemas de saúde devido o estresse, Don conversou com Alison sobre a viagem e então optaram por vender o apartamento e o carro mantidos no Canadá, que lhes mantinham numa base confortável neste estágio da vida.

A aventura começou na Itália em 2011, seguindo para Espanha, Índia, Bali, Austrália, Oriente Médio, Suécia, México, América do Sul, Turquia, Estados Unidos, Ilhas Fiji e Cyprus. Como viajamos e tanto ‘escolhemos’ o nosso percurso, quanto ao mesmo tempo apenas o deixamos se desdobrar, descobrimos a ‘mecânica’ da vida, a criatividade espantosa da vida, e uma contínua necessidade de voltar a confiar e presenciar”, escreveu o casal, que atualmente está na Nova Zelândia.

Sem data para encerrar a viagem, os dois convivem com uma leveza tão grande que não cabe o tamanho da idade. “Sabemos que um dia vamos morrer e preferimos viver ao máximo o presente. Não queremos ir com remorsos porque desperdiçamos as oportunidades que nos foram dadas”, diz Alison.

E eles sabem como aproveitar, fazendo atividades como trekking, escalada em vulcões, passeios de camelo no deserto e nadar com elefantes.

AlisonDon7

AlisonDon5

A idade definitivamente só é uma barreira para quem quer que ela seja. Mesmo com desafios ao longo do caminho, a dupla se mostra feliz e satisfeita com o estilo de vida que levam hoje, além de compartilharem seus descobertas e aprendizados com todos os que almejam fazer o mesmo. Abaixo estão algumas coisas que aprenderam:

“Aprendemos…

  • A confiar mais: confiar que estamos sendo bem cuidados por um Mistério maior nos deixa livres para explorar mais plenamente.
  • A nos preocupar muito menos sobre o futuro: experimentar a confiança colabora para isso.
  • A nos preocuparmos muito menos sobre dinheiro: bem menos do que estávamos acostumados.
  • A respeitar mais as pessoas: a grande maioria das pessoas que conhecemos em nossas viagens têm sido gentil, generosas e de coração aberto.
  • A dizer sim às oportunidades que surgem em nosso caminho: pois provavelmente nunca mais voltaremos naquela direção.
  • A viver com uma gratidão consciente para a vida: valorizando que nos foi dado muito mais do que estamos habituados.
  • A nos queixar menos: quando alguma queixa aparece, rapidamente fazemos a escolha por uma perspectiva diferente.
  • A viver com menos: não precisamos de muita coisa, ainda mais quando viajamos pelas regiões tropicais.
  • Que podemos viver juntos 24/7 e ainda aproveitar a companhia um do outro: a comunicação honesta e aberta tem sido fundamental.
  • Que é sempre possível ensinar a cães velhos truques novos!
  • Após três anos e meio na estrada, depois de experimentar tantos imprevistos, percebemos a vida como uma série de milagres que se desdobram.”

AlisonDon4

AlisonDon

AlisonDon8

AlisonDon3

AlisonDon2

Todas as fotos © Alison e Don Armstrong

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s