Quando a tripulação desse barco percebeu que era aquilo mesmo o que estavam vendo, já era tarde demais para escapar…

Vivemos em um mundo perigoso. As coisas mais incríveis e estranhas podem acontecer em qualquer lugar quando menos se espera. E não é muito difícil nos vermos vencidos pelos fenômenos ou acontecimentos que ocorrem, não podendo fazer muito para nos defendermos ou nos mantermos a salvo. Agora, imagine fazer parte da tripulação de um barco que navega no meio do oceano. Se alguma coisa acontecer, não há quase nenhuma escapatória ou chance de sobreviver. Mas o que aconteceu com a tripulação de que falamos neste artigo foi muito estranho, e aconteceu tão rápido, que eles quase perderam a vida.

Estes homens que vemos no barco viram algo estranho e incomum, como uma descoloração da água. Cheios de curiosidade, resolveram investigar o que estava acontecendo lá. Você não pode culpá-los por serem muito curiosos, já que a natureza humana é curiosa, como a dos leitores desta página. Continue lendo para conhecer a história desses aventureiros e não se esqueça de clicar em “Página Seguinte” para continuar.

 
 

De longe, parecia um banco de areia, mas conforme iam chegando mais perto, perceberam que era impossível que se tratasse disso. Parecia mais uma pedra pomes gigante flutuando na superfície da água. Era quase como se houvesse uma praia em metade do oceano, e por isso levaram o barco nessa direção para poder observar melhor.

Era extremamente estranho que houvesse areia flutuando na superfície da água. A tripulação tentou navegar no meio da areia, mas não era fácil como pensavam. Não era algo que se pode ver todos os dias. Até os mais experientes em navegação estavam perplexos.

 

Navegar pela lama foi bastante fantástico para os membros da tripulação, porque a superfície arenosa ia aumentando conforme iam avançando nela. Depois de um tempo, todos começaram a ficar muito nervosos. Então decidiram sair de lá, aumentando a velocidade do barco.

Uma vez que já tinham escapado do estranho cenário e haviam abandonado o terreno arenoso, a tripulação ouviu um forte ruído que vinha de onde eles tinham saído, e então viraram-se para trás. Quando olharam, viram numerosas bolhas que estouravam na superfície da água. De onde vinham essas bolhas? Quem ou o que as criava?

Esses jovens deveriam estar muito agradecidos por terem saído rapidamente daquele lugar. Descobriram em sua fuga que todo aquele cenário era um vulcão a ponto de entrar em erupção! Mesmo sabendo que conseguiram escapar com vida, tiveram muita sorte por ver esta erupção com seus próprios olhos…

Esta é uma das maravilhas da natureza mais belas que se pode contemplar. É uma aventura da qual muitas pessoas teriam inveja, já que é algo realmente espetacular e especial…

 

A erupção era impressionante e toda a fumaça começou a subir pelo ar. Um tempo depois, a fumaça toda ficou mais clara e a tripulação percebeu que algo estava surgindo na superfície da água. Quando olharam com atenção, não conseguiram acreditar no que seus olhos viam…

Não podiam acreditar que poderiam presenciar uma nova formação de terra surgindo no meio da água, diante de seus narizes. Uma nova ilha havia sido criada! Não conseguiam acreditar em sua descoberta!

Via: highrated

Anúncios

Ele transformou os desenhos de seu filho em animais de verdade

https://scontent.fssa2-2.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/14720593_1796806107262476_5155542836975526831_n.jpg?oh=7734e2cf6b84cfda7d957ef9ea44f251&oe=588B696D

A maioria das crianças adora desenhar, mesmo que nem sempre tenha muita habilidade com lápis e caneta. Mas, independente de coordenação motora, o que os pequenos inegavelmente possuem é muita criatividade para colocar suas ideias no papel. Esse era o caso de Dom, de seis anos, que tem até mesmo uma conta no Instagram para mostrar seus desenhos.

O Instagram do menino é compartilhado com seu pai, que dá vida a alguns de seus desenhos mais malucos com uma ajudinha da tecnologia. Não estranhe se as fotos abaixo parecerem de animais e objetos pouco convencionais – eles todos saíram da imaginação e das mãos do pequeno Dom. 

Vem ver!

desenho1

desenho2

desenho3

desenho4

desenho5

desenho6

desenho7

desenho8

desenho9

desenho10

desenho11

desenho12

desenho13

desenho14

desenho15

desenho16

Todas as fotos: Reprodução Instagram

Ela cria recortes de papelão para seu cachorro que prometem melhorar seu dia

https://scontent.fssa2-2.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/14724384_1796834697259617_1925850198020233481_n.jpg?oh=8db59fa74e1935c78c41f90f79bb5625&oe=58A44FE3

O que fazer com um monte de papelão que sobrou das caixas de encomendas que chegaram pelo correio? Separar para a reciclagem seria uma resposta correta, mas a japonesa Semba teve uma ideia ainda melhor: criar “máscaras” para seu cãozinho.

O chihuahua Mametaro virou então modelo das criações de sua dona, que publica tudo no Twitter. Ela conta que começou escrevendo mensagens positivas em cartazes, mas logo a criatividade falou mais alto e Semba partiu para a criação de personagens.

Começando com o rosto de um cachorro, depois o Mickey, e agora ela tem uma vasta galeria de imagens divertidas de Mametaro disfarçado com vários desenhos. “A maioria é baseada em personagens de mangás, animes, filmes ou jogos de cartas japoneses, coisas de que eu gosto”, explica.

chiuahuapapel0

Se você é dono de um cachorro, provavelmente está se perguntando como ela faz para que Mametaro pose tranquilamente para as fotos, e ela garante que não é difícil. “Ele é cooperativo, bem quietinho e gentil. É difícil que ele fique bravo com alguma coisa”, conta Semba. E ela criou uma expressão de ordem para que ele se encaixe em suas criações: “Para casa!” – em japonês, claro.

Dá para ver essas fotos sem abrir um sorriso?

chiuahuapapel1

chiuahuapapel2

chiuahuapapel3

chiuahuapapel4

chiuahuapapel5

chiuahuapapel6

chiuahuapapel7

chiuahuapapel8

chiuahuapapel9

chiuahuapapel10

chiuahuapapel11

chiuahuapapel12

chiuahuapapel13

chiuahuapapel14

chiuahuapapel15

Todas as imagens © Semba

Como uma das cidades mais perigosas dos EUA está ganhando novos rumos através da arte

Em inúmeras situações, a arte surge como um grande agente transformador, catalisando energias em prol de boas causas. É o que acontece atualmente em Detroit, no Estados Unidos, que sofreu com o processo pós-industrial e os êxodos, deixando a população fragilizada socialmente. Com um projeto de reuso do lixo, a cidade tem tomado novos rumos e formas, dando início a um ciclo de vida diferente, artístico e muito mais agradável.

Durante 10 anos, entre 2000 e 2010, a capital de Michigan passou por grandes mudanças, como a ida de cerca de 25% da população para outras cidades. Assim houve o declínio econômico e consequentemente o abandono de casas, fábricas e empresas, que ficaram fadadas a deterioração. Com a economia ruim, a violência e o crime acabaram aumentando, piorando ainda mais o problema.

Mas eis que surge alguém disposto a reverter este cenário. O artista Tyree Garton deu início, em 1986, ao The Heidelberg Project, que ocupava parte de sua vizinhança com objetos e outros itens resgatados do lixo, promovendo o reuso de materiais e a transformação de espaços públicos. A ideia se expandiu então para toda a cidade com a criação de fachadas artísticas nos edifícios, limpeza de terrenos baldios, que se tornaram jardins de arte abertos a população, ampliando as cores e espaços lúdicos.

Heidelberg-Project18

Como toda boa mudança, houve um impacto positivo na mente das pessoas, que passaram a se envolver na recuperação local e trazer novos ares para Detroit. Um dos grandes resultados positivos é que a principal rua e antigo ponto de tráfico de drogas, a Heidelberg, virou um lugar onde crianças brincam à vontade e pessoas circulam tranquilamente, sem nenhum registro de crime grave. A comunidade carente foi reintegrada às ações artísticas e passou a ter um sentimento de pertença e a lutar pela transformação do local.

O movimento hoje é bem organizado, tem colaboradores fixos, escritório, galeria e artistas residentes. É possível fazer visitas guiadas, participar de palestras, workshops e vários eventos promovidos por eles, mostrando que a arte enfim, venceu, resultando em cores mais bonitas e alegres em cima das marcas pesadas do passado.

Heidelberg Project14

Heidelberg Project15

Heidelberg Project13

Heidelberg Project12

Heidelberg Project10

Heidelberg Project11

Heidelberg Project8

Heidelberg Project9

Heidelberg Project7

Heidelberg Project6

Heidelberg Project5

Heidelberg Project4

Heidelberg Project3

Heidelberg Project2

Heidelberg Project

Fotos © Wigwam

Heidelberg-Project17

Foto: Divulgação