Cientistas não conseguem explicar que objeto gigante está bloqueando a luz desta estrela

estrela estranha padrao de liz

Cientistas descobriram um estranho padrão de luz em torno de uma estrela distante, que simplesmente não conseguem explicar. O mistério é tão grande que até “tecnologia alienígena avançada” já foi considerada como uma possibilidade.

“Aliens devem sempre ser a última hipótese a se considerar, mas parecia ser algo que se esperaria que uma civilização alienígena construísse”, disse Jason Wright, astrônomo da Universidade Estadual de Pensilvânia, nos EUA, ao jornal The Atlantic.

KIC 8462852

A estrela, chamada KIC 8462852, está localizada a cerca de 1.500 anos-luz de distância de nós, entre as constelações do Cisne e Lira. Ela é mais brilhante, mais quente e mais massiva do que o nosso sol.

Descoberta pela primeira vez pelo telescópio espacial Kepler, da NASA, em 2009, vários cientistas cidadãos vasculhando os dados a apontaram “bizarra” e “interessante”. Assim, os astrônomos começaram a estudá-la.

O que ela tem de especial? Normalmente, as variações de brilho das estrelas são muito ligeiras – menos de 1% de escurecimento a cada poucos dias, semanas ou meses, dependendo do tamanho da órbita do planeta que a circunda.Mas a KIC 8462852 possui variações de brilho altamente irregulares. Não há nenhuma órbita periódica identificável, apenas bloqueios de luz estranhos e sem padrão discernível ocorrendo.

Escurecimento muito grande

Estes efeitos de escurecimento são significativos. Em um ponto, a quantidade de luz da estrela caiu em 15%. Em outro, 22%.

Mesmo um planeta do tamanho de Júpiter só bloquearia cerca de 1% deste tipo de luz da estrela, e ele é basicamente tão grande quanto um planeta pode ser.

O escurecimento não pode ser devido a outra estrela, também, ou os cientistas a teriam visto. A falta de um padrão é mais uma evidência de que não é uma estrela.O que quer que esteja bloqueando a luz de KIC 8462852 é grande, no entanto, com até a metade da largura da própria estrela.

Descartando teorias

A explicação mais óbvia para os eventos de escurecimento irregulares é que KIC 8462852 tem uma massa de lixo espacial – rochas e poeira de diferentes formas e tamanhos – a circulando em formação apertada.

O único problema é que isso só ocorre quando uma estrela é jovem, e a evidência aponta para a KIC 8462852 ser madura.

“Nós nunca tínhamos visto nada como esta estrela”, disse uma das pesquisadoras, Tabetha Boyajian, da Universidade de Yale nos EUA.Poderia ser um erro? Não. Os cientistas já descartaram a possibilidade de que a informação esteja errada. “Achamos que poderiam ser dados falsos ou um movimento defeituoso na nave espacial, mas tudo estava ok”, disse Boyajian.

Pensando fora da caixa

A melhor explicação que temos até agora, então, é que, em algum ponto, outra estrela passou pelo sistema KIC 8462852 e perturbou sua gravidade, puxando uma massa de cometas em direção a ele. Há outra estrela perto o suficiente de KIC 8462852 para tornar isso uma possibilidade.

Mas seria uma extraordinária coincidência, de acordo com os pesquisadores.Sem contar que nem todos estão convencidos de que uma massa de cometas bloquearia 22% da luz da estrela.

Wright afirma que precisamos considerar outras opções mais ousadas, como uma civilização alienígena avançada no processo de construção de algo enorme próximo a KIC 8462852.

Esfera de Dyson

Lembra da Esfera de Dyson? A gigantesca esfera feita de painéis solares que circunda completamente uma estrela, presente em muitas ficções científicas, é uma das hipóteses de tecnologia avançada alienígena que poderia explicar os eventos irregulares.

No entanto, Wright crê que devemos abordar essa suposição com ceticismo.O que isso significa? Significa que podemos ficar um pouco animados, não porque aliens são uma séria possibilidade, mas porque temos um mistério em nossas mãos, e disso deve sair algo novo para ciência.Em breve, mais pesquisadores devem se envolver no estudo da KIC 8462852 para resolver esse enigma. [ScienceAlert, TheAtlantic]

Morcego brasileiro é o animal voador mais rápido no mundo

https://i1.wp.com/insider.si.edu/wordpress/wp-content/uploads/2011/02/batsmall.jpg

Os recordes esportivos estiveram em alta em 2016, e agora parece que até mesmo o reino animal tem um novo campeão, e um bastante inesperado. Uma criatura em que ninguém colocava suas fichas acabou de entrar nos livros de recordes como o animal voador mais rápido do mundo: o morcego de cauda livre brasileiro.

Em um novo estudo na revista Royal Society Open Science, os pesquisadores explicam que, até agora, os morcegos eram considerados mais lentos do que os pássaros, graças ao fato de que a morfologia de suas asas tende a gerar mais arrasto, enquanto suas orelhas grandes também os retardam enquanto voam pelo ar.

 https://vivimetaliun.files.wordpress.com/2016/11/50248-0004.jpg

No entanto, depois de medir a velocidade de vôo de sete morcegos de cauda livre brasileiros ao longo de uma semana, a equipe descobriu que eles são capazes de rajadas curtas de vôo horizontal extremamente rápidas, atingindo uma velocidade máxima de 160,2 quilômetros por hora. Não só esta velocidade não é igualada por qualquer outra espécie de morcego, mas também supera a maior velocidade de vôo horizontal já registrada em aves – 112 quilômetros por hora, registrada pelo andorinhão-preto.

 

Planando em alta velocidade

Para coletar os dados, a equipe anexou pequenos transmissores de rádio às costas dos morcegos e rastreou os sinais emitidos por esses dispositivos usando receptores em aeronaves que seguiram os mamíferos em suas viagens noturnas.

Segundo os pesquisadores, os morcegos foram capazes de atingir essas velocidades vertiginosas planando: eles aumentam os intervalos entre cada aba de suas asas e simplesmente deslizam através do ar.

https://i2.wp.com/www.pcma.com.ar/molossus%20fer.JPG

A equipe ficou um pouco surpresa com sua descoberta, e certamente não esperava descobrir que um morcego era o maior velocista aéreo do mundo. Em uma declaração, o co-autor do estudo, Kamran Safi, explicou que “dificilmente poderíamos acreditar em nossos dados, mas eles estavam corretos: às vezes, as fêmeas, que pesam entre 11 e 12 gramas, voavam a velocidades de mais de 160 quilômetros por hora, um novo recorde para o voo horizontal”. [I Fucking Love Science]

Este pequeno pug vive aventuras de dar inveja a muitos humanos

https://scontent.fssa2-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/10622818_1806319562977797_5949755463754897816_n.jpg?oh=7d20f1ee095bf3f32ed2a695933780fd&oe=58D188DE

O americano Jeremy Veach é um fotógrafo de 26 anos de idade que vive em busca de aventuras pelo mundo. Como companhias inseparáveis em suas viagens estão: sua câmera e seu fofíssimo cãozinho pug Norm.

Com o talento de um modelo profissional experiente, Norm posa para as lentes do amigo em paisagens deslumbrantes e faz o maior sucesso.

O Instagram onde Veach publica as fotos do pug possui mais de 330 mil seguidores absolutamente apaixonados pelo carisma do animalzinho.

Confira algumas fotos:

1209518_537339826441213_172143819_n

11349424_824888990957695_1324574962_n

12301191_405367016326685_1051772632_n

12383388_1696039547331302_178820719_n

12627897_1695526607360980_364728613_n

12822367_919141988204870_2117007058_n

12912577_622742364543699_1229453463_n

13116812_1545014799134950_1887811324_n

13398399_150774638670502_160207527_n

13556763_1723380477915084_538091373_n

13686877_2065143407043284_42276550_n

* Todas as fotos: Reprodução Instagram

Conheça o museu feito de mais de 100 miniaturas hiperrealistas de cenários de filmes

Já pensou se você pudesse visitar todos os cenários de seus filmes preferidos em um só lugar e conferir de perto as locações que fizeram parte da história do cinema? Isso já é possível – pelo menos em parte. Na cidade francesa de Lyon se encontra o Musée Miniature et Cinéma, um museu que reúne mais de 100 miniaturas hiperrealistas de cenários de filmes.
Cada cena foi produzida com todo o cuidado por miniaturistas reconhecidos mundialmente, o que fará com que você praticamente se sinta como se estivesse vendo o cenário em tamanho real. Até mesmo a iluminação foi pensada de forma que as cenas estejam adequadas ao momento do dia e à posição geográfica de cada obra.
Será que você consegue adivinhar de quais filme são as miniaturas abaixo? Deixa suas sugestões nos comentários!
1. 
miniatura1
2. 
miniatura2
3.
miniatura3
4.
miniatura4
5. 
miniatura5
6. 
miniatura6
7. 
miniatura7
8. 
miniatura8
9.
miniatura9
10. 
miniatura10
11. 
miniatura11
12. 
miniatura12
13. 
miniatura13
14. 
miniatura14
Todas as fotos © Musée Miniature et Cinéma