O sapo que carrega filhotes em buraquinhos nas costas e outros animais estranhos

A vida no mundo é tão diversa que mesmo assistindo a incontáveis documentários e lendo dezenas de matérias sobre animais bizarros, ainda conseguimos nos surpreender.

Confira esta lista com quatro animais muito estranhos:

4. Neoclinus blanchardi

sarcastic-fringehead-fish
Este peixe de cerca de 30 cm vive no Oceano Pacífico, próximo à costa oeste dos Estados Unidos. Quando este peixe está tranquilo, parece um exemplar comum, sem nada de especial. Mas quando é ameaçado, abre sua boca desta forma assustadora. Pior ainda se a ameaça vier de outro Neoclinus blanchardi. A dupla se prende em uma “luta de bocas” que mais parece digna de um filme sobre alienígenas.

https://i0.wp.com/yoylo.com/app/uploads/2016/02/4-6.jpg

 

Este peixe gosta de viver em conchas abandonadas, ficando apenas com a cabeça de fora. Se outro competidor se interessar pela mesma concha, a briga começa. A espécie é conhecida por ser territorial.

3. Pipa pipa

https://i.ytimg.com/vi/YTPEIL3WZlY/maxresdefault.jpg

Conhecido como pipa, sapo-aru ou sapo-pipa, essa espécie de sapo nativa da América do Sul tem muitas características estranhas: tem corpo achatado, cabeça pontuda e as fêmeas incubam os ovos nas próprias costas.

Os buraquinhos de seu dorso causam agonia até em quem não sofre de trifobia, que é o desconforto, coceira, arrepios e até ataques de pânico ao ver imagens com vários pequenos buracos.

Apesar da estranheza inicial que pode causar, o Pipa pipa é um ótimo exemplo de cuidado dos pais em relação aos seus filhotes. Ao mantê-los pertinho de si, a mãe garante que eles não serão atacados por predadores, fato que não é tão observado em répteis quanto em mamíferos.

2. Hypsignathus monstrosus

https://i0.wp.com/static.inaturalist.org/photos/346181/original.JPG
Este morcego pertence à família Pteropodidae e é encontrado na África Ocidental e Central. Apenas os machos da espécie têm esse rosto que lembra o de um alce.

https://i0.wp.com/static.inaturalist.org/photos/436335/original.jpg

Há uma razão por trás disso: os machos produzem sons parecidos com buzinas para atrair parceiras, explica Rob Mies da Organization for Bat Conservation, de Michigan. A laringe dos machos ocupa mais da metade de seu corpo. Os solteirões se reúnem em grupos e batem suas asas para chamar atenção das fêmeas. “Essa música e dança é um grande espetáculo”, diz Mies.

1. Idalus herois

https://farm4.staticflickr.com/3900/14469789910_b682c88d7b_b.jpg

https://s-media-cache-ak0.pinimg.com/originals/67/1a/26/671a26cec3b23a97160027929214c4a5.jpg
Este é outro dos nossos animais brasileiros, mas também é encontrado na Venezuela e México. O mais curioso sobre esta mariposa colorida é que ela emite um som que atrapalha o sonar dos morcegos. Fazer o som de “clique” também é uma forma de alertar aos possíveis predadores de que ela tem um gosto ruim. [National Geographic]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s