Gêmeas nascem com cores de pele diferentes e é impossível não amar essa raridade genética

Pais orgulhosos sempre publicam fotos de seus rebentos na internet e é raro alguém conseguir resistir às fofuras que aparecem na timeline. Thomas Dean e Whitney Meyer são pais de primeira viagem e também não adoram exibir fotos de suas meninas, as gêmeas Kalani e Jarani.

Apesar de gêmeas, as meninas não são idênticas e possuem uma característica que não passa despercebida pelas pessoas: as pequenas possuem cores de pele diferentes, uma é caucasiana e a outra é negra.

16142994_10155755161109418_7127538982918332939_n

Kalani e Jarani são gêmeas fraternas: resultado da fertilização de dois óvulos por dois espermatozoides. Gêmeos assim partilham até 50% da informação genética, podem ou não ser do mesmo sexo e ter ou não o mesmo fator sanguíneo. No caso das garotas, elas também não possuem a mesma cor da pele.

A mãe orgulhosa tem compartilhado várias fotos de suas garotinhas em Facebook na esperança de educar a Internet sobre esta bela raridade genética.

14900438_10155439557784418_4725317433372212044_n

Há apenas 1 chance em 500 de que gêmeos fraternos de um casal inter-racial nasçam com cores de pele diferentes.

Thumb27

Segundo os papais, elas compartilham a data de aniversário, mas estão desenvolvendo personalidades e hábitos únicos. Enquanto Kalani é dinâmica e já está engatinhando, Jarani está mais focada em comer e ainda não tem interesse em engatinhar.

Todas as imagens: Reprodução

Anúncios

Ela finalmente fez um álbum de casamento com seu grande amor: uma fatia de pizza

Marcy Ortiz, fotógrafa norte-americana, estava de bobeira pelo seu feed do Facebook quando viu a foto de uma antiga cliente vestida de noiva. Até aí, nada de diferente. Foi quando Marcy leu a legenda que veio a surpresa: “Vou me casar, mas é com uma pizza. Me desculpem meninos, mas sou uma mulher comprometida”.

A fotógrafa achou a situação inusitada, e imediatamente teve a ideia de propor um divertido ensaio de noivos a Christine, a garota da foto. “Isto é impressionante! Nós devemos fazer fotos suas nesse vestido pronta para se casar com uma pizza!”, disse.

Foram dias planejando o casamento dos sonhos, onde várias ideias surgiram. Como a do noivo (vulgo, pizza), usar uma gravata borboleta, por exemplo. “Nós queríamos ter rosas feitas de bacon, mas como a mãe da noiva estava um pouco preocupada com o vestido, decidimos ficar com apenas alguns adereços básicos”, contou Marcy.

O resultado é maravilhoso! Confira abaixo:

ChristineLovesPizza_FearlessFreeSeniors_01152017-58_collage-5886b1ac0bac7__880

ChristineLovesPizza_FearlessFreeSeniors_01152017-59_collage-5886b1a74be30__880

ChristineLovesPizza_FearlessFreeSeniors_01152017-66_collage-5886b1a3345cb__880

ChristineLovesPizza_FearlessFreeSeniors_01152017-44_collage-5886b1b47e912__880

ChristineLovesPizza_FearlessFreeSeniors_01152017-103_collage-5886b1973869f__880

ChristineLovesPizza_FearlessFreeSeniors_01152017-112_collage-5886b1933f499__880

ChristineLovesPizza_FearlessFreeSeniors_01152017-124_collage-5886b18f2c70f__880

ChristineLovesPizza_FearlessFreeSeniors_01152017-133_collage-5886b18b48829__880

ChristineLovesPizza_FearlessFreeSeniors_01152017-150_collage-5886b17f1c816__880

When-you-want-to-marry-pizza-5886b38104de1__880

When-you-want-to-marry-pizza-588723f215a16__880

When-you-want-to-marry-pizza-588723f575608__880

Todas as fotos © Marcy Ortiz

Antes das selfies: 10 autorretratos curiosos de celebridades feitos em cabines fotográficas

Antes de existir a selfie, as selfies já existiam. Podia não ser com uma câmera digital portátil dentro de um telefone igualmente portátil, presa a um pauzinho ou com o braço esticado, mas a verdade é que autorretratos existem desde que o homem primeiro empunhou um pincel.

Ok, não era possível visualizar e compartilhar instantaneamente as imagens, mas havia uma maneira bem charmosa (e praticamente instantânea) de tirar uma foto de si, e que até pouco tempo atrás eram bastante populares inclusive no Brasil: as cabines automáticas de fotografia, que hoje servem somente para oferecer souvenirs em festas e eventos, abarrotando pessoas e suas caretas dentro da cabine.

Um dia, porém, essas cabines fotográficas já foram uma excitante novidade. Tecnicamente, é uma foto de si, que você próprio podia realizar, e que oferecia o resultado instante depois – e uma coleção de grandes nomes do século XX passou por elas, registrando a própria face para a posteridade. Não são tão ágeis ou perfeitas como as fotos de hoje, mas são definitivamente muito mais charmosas.

Miles Davis aos 9 anos

Elvis Presley

Robert Johnson

Luis Buñuel

Marylin Monroe

Marguerite Duras

René Magritte

André Breton

Mel Ferrer, Audrey Hepburn e Truman Capote

Yves Tanguy

© fotos: reprodução

Os melhores parques de São Paulo para uma caminhada matinal

Sem preguiça! Você sabia que a prática de exercícios pela manhã estimula a circulação, o que te deixa com mais energia durante todo o dia? A caminhada é o segundo esporte mais praticado no país, e São Paulo está cheia de parques convidativos para uma volta.

Além do benefício físico do esporte, a cabeça também agradece: se exercitar de manhã, especialmente se for ao ar livre, deixa a mente mais arejada e ajuda a evitar o estresse. Você já deve conhecer o Ibirapuera e o Villa Lobos, não é? Que tal experimentar um parque diferente?

Parque da Água Branca

agua branca

Localizado na zona oeste, com entrada principal na Av. Francisco Matarazzo, o Parque da Água Branca pode te fazer esquecer que está em São Paulo por alguns momentos: ao longo da caminhada você pode encontrar galinhas, patos, pavões e outros bichos que vivem soltos por lá. Tanques abrigam carpas e tartarugas, e às vezes dá até para ver saguis nas árvores!

Parque do Carmo

carmo

Lagos, arquitetura colonial, cafezal e cerejeiras impressionantes: tem tudo isso no Parque do Carmo, em Itaquera, zona leste da capital.  O bosque tem mais de 6 mil árvores, incluindo eucaliptos remanescentes da mata-atlântica. Além disso, 135 espécies de animais vivem por ali, incluindo 118 aves diferentes.

Parque Burle Marx

burle marx

Inaugurado há relativamente pouco tempo, em 1995, há quem diga que esse é o parque mais bem cuidado de São Paulo. Fica no Panamby, zona sul da capital, e parte do projeto foi feita pelo famoso arquiteto que batiza o lugar. Relaxe a mente caminhando entre os jardins criados por Burle Marx e esqueça que está na cidade ao explorar três trilhas do parque.

Parque Anhanguera

anhanguera

Esse é considerado o maior parque municipal de São Paulo, com mais de 9 milhões de metros quadrados. Na sua caminhada, porém, você terá que se contentar “apenas” com os 400 mil m² abertos para visitação: o resto do espaço é restrito para preservação do ecossistema e diversidade biológica. Fica na zona norte, perto do Pico do Jaraguá, e as trilhas permitem apreciar a mata atlântica como em poucos outros lugares.

Jardim da Luz

Parque_Jardim_da_Luz_09

O mais antigo parque público do município foi criado em 1825, originalmente como Horto Botânico. Fica no centro da cidade, em frente à Estação da Luz, e abriga animais como os bichos-preguiça e várias espécies de beija-flores. No centro do parque há um belo lago em formato de cruz de malta, decorado com oito esculturas que representam as estações do ano.

Artista cria tatuagens de uma linha só para mostrar a beleza das coisas simples

Para o tatuador Mo Ganji uma linha parece ser o suficiente para criar desenhos simples e elegantes. Nascido no Irã, o artista vive em Berlim, na Alemanha, e conta: “criar algo simples é muito mais desafiador para mim do que criar algo complexo”.

Com apenas um traço contínuo, Mo Ganji compõe impactantes tatuagens. Seu estilo singular é resultado de muita reflexão sobre nossa jornada nesta vida; ele acredita que é mais fácil “adicionar e adicionar” do que usar ferramentas limitadas para criar algo básico. O artista trabalhava como gerente no mercado da moda em produção de larga escala para empresas globais antes de se tornar tatuador. “Minha carreira anterior foi baseada em valores nos quais eu não acreditava”.

“Quando se trata da vida, eu aprecio as coisas simples”. Aprecie você também as tatuagens desse artista que busca transparecer seus valores na pele.

tatuagem1

tatuagem2

tatuagem4

tatuagem5

tatuagem7

tatuagem8

tatuagem9

tatuagem10

tatuagem11

tatuagem12

tatuagem13

tatuagem14

tatuagem15

tatuagem16

tatuagem17

tatuagem18

Para saber mais sobre Mo Ganji, não deixe de ler esta entrevista com ele.

Todas as imagens © Mo Ganji