Fotógrafo com paralisia do sono transforma seus piores pesadelos em imagens poderosas

Quem sofre cronicamente de paralisia do sono garante ser das piores sensações possíveis. Como um pesadelo acordado, a pessoa desperta e, no entanto, não é capaz de mover seu corpo – que permanece como em um estado alucinatório, feito vivesse pesadelos na vida real.

Nicolas Bruno é um fotógrafo de 22 anos que há sete sofre com esse distúrbio, que o levou à insônia e à depressão. “Era como se estivesse possuído por demônios”, ele diz. No lugar de se deixar levar pelos impulsos suicidas que tomavam conta dele ao redor das crises, ele decidiu transformar esse demônios em arte.

NB19

A ideia surgiu quando um professor lhe sugeriu que transformasse o distúrbio em algo tangível – e nada melhor do que a arte para tal. Se antes das fotos as pessoas o consideravam um tanto maluco, depois do ensaio diversas pessoas sofrendo do mesmo mal lhe procuraram, para lhe agradecer. “Acho que minha pequena missão é espalhar palavras sobre essa condição”, ele diz.

O trabalho foi batizado de Between realms, ou ‘entre reinos’.

NB17

Curiosamente, todas as pessoas vivem a paralisa do sono quando dormem – a diferença está justamente em vive-la quando já se está acordado, e a condição deveria estar suspensa. Essa pequena diferença é também literalmente a diferença entre a vida real e um pesadelo constante – assim como a arte pode ser a diferença entre doença e saúde. “Esse projeto me presenteou com um sentido de quem sou. Me deu a força para perseverar na vida, criar arte e me comunicar. Não sei onde estaria sem o projeto”, ele diz.

NB15

Dormir vem deixando de ser um atalho para o pesadelo, para se tornar cada vez mais, na vida de Nicolas, um convite ao prazer e ao descanso, como melhor pode ser.

NB3

NB16

NB14

NB13

NB12

NB11

NB18

NB10

NB9

NB8

NB7

NB6

NB5

NB4

NB2

NB1

Todas as fotos © Nicolas Bruno

Anúncios

4 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s