Imagens de quando a segregação racial era legal nos EUA lembram a importância de combater o racismo

Para colocar em perspectiva o racismo no mundo, é importante olhar para trás e perceber há quão pouco tempo a segregação racial era legal, legitima e posta em prática em diversos países – como, por exemplo, nos Estados Unidos. Mesmo passados cem anos do fim da Guerra Civil americana, em 1865, e da abolição da escravidão, nos anos 1960 – ou seja, ontem – o país ainda separava negros de brancos em praticamente toda e qualquer instância social.

Integrantes do grupo racista Ku Klux Klan reúnem-se ao redor de uma cruz em chamas no estado da Geórgia, em 1962

Integrantes do grupo racista Ku Klux Klan reúnem-se ao redor de uma cruz em chamas no estado da Geórgia, em 1962

A própria Suprema Corte dos EUA determinou, no final do século XIX e até meados dos anos 1960, que se as raças permanecessem “separadas, mas iguais”, a segregação racial não seria considerada violação da constituição americana. Somente após muita luta – e muitas prisões, agressões e mortes – através do movimento pelos direitos civis que, em 1964 a Lei dos Direitos Civis e, no ano seguinte, a Lei dos Direitos de Voto garantiram a igualdade racial nos Estados Unidos – ao menos, na letra fria da lei.

Opositores da lei dos direitos civis "enforcam" boneco representando Martin Luther King no Alabama, em 1963

Opositores da lei dos direitos civis “enforcam” boneco representando Martin Luther King no Alabama, em 1963

Basta uma rápida (e dolorosa) olhada pelas fotos reunidas pelo Buzzfeed para se ter certeza da profunda repercussão que tais assombrosos hábitos ainda possuem ainda hoje. Para pensar no cenário do Brasil em comparação ao horroroso passado americano, basta se lembrar que, enquanto os números da escravidão nos EUA variam entre 400.000 e 500.000 pessoas traficadas para o país, por aqui o número de pessoas trazidas à força da África para trabalhar foi de mais de 5 milhões. O resto é história – a mais terrível, assustadora, ameaçadora e ainda presente história.

Membros do Partido Nazista Americano intimidando a convivência entre brancos e negros no estado da Virginia, em 1960

Membros do Partido Nazista Americano intimidando a convivência entre brancos e negros no estado da Virginia, em 1960

Protesto contra a integração racial em uma escola no Alabama, em 1963

Protesto contra a integração racial em uma escola no Alabama, em 1963

Ataque contra um carro com passageiros negros em um protesto contra a integração racial em 1956

Ataque contra um carro com passageiros negros em um protesto contra a integração racial em 1956

Ativistas com cartazes escritos: “Eu sou um homem" são impedidos de protestar no Tennessee, em 1968

Ativistas com cartazes escritos: “Eu sou um homem” são impedidos de protestar no Tennessee, em 1968

Homem com bandeira dos Confederados observa manifestantes no Alabama, em 1964. O cartaz diz: “Mais de 300 mil negros têm seu voto negado em Alabama”

Homem com bandeira dos Confederados observa manifestantes no Alabama, em 1964. O cartaz diz: “Mais de 300 mil negros têm seu voto negado em Alabama”

Inspeção em igreja explodida em bairro negro

Inspeção em igreja explodida em bairro negro

Escola dinamitada em Nashville, em 1957, após pela primeira vez admitir um aluno negro - uma criança de 6 anos

Escola dinamitada em Nashville, em 1957, após pela primeira vez admitir um aluno negro – uma criança de 6 anos

Protesto contra integração nas escolas em 1960. O cartaz à direita diz: “Tudo que eu quero ganhar neste Natal é uma escola branca e limpa”.

Protesto contra integração nas escolas em 1960. O cartaz à direita diz: “Tudo que eu quero ganhar neste Natal é uma escola branca e limpa”.

Martin Luther King Jr. sendo preso por se aproximar de um tribunal onde um racista estava sendo julgado, em 1958. Depois dessa foto, o reverendo foi espancado pelos policiais.

Martin Luther King Jr. sendo preso por se aproximar de um tribunal onde um racista estava sendo julgado, em 1958. Depois dessa foto, o reverendo foi espancado pelos policiais.

Policial aposentado espanca um estudante negro que estava somente esperando para ser atendido em uma lanchonete, enquanto as pessoas incentivam e observam ao redor

Policial aposentado espanca um estudante negro que estava somente esperando para ser atendido em uma lanchonete, enquanto as pessoas incentivam e observam ao redor

Protesto por conta da mudança de uma família negra para o bairro majoritariamente branco, na Pensilvânia, em 1963

Protesto por conta da mudança de uma família negra para o bairro majoritariamente branco, na Pensilvânia, em 1963

Criança fantasiada de Ku Klux Klan em uma manifestação racista em 1956. Na porta do carro está escrito "Brancos do Sul são os melhores amigos dos negros, mas integração não"

Criança fantasiada de Ku Klux Klan em uma manifestação racista em 1956. Na porta do carro está escrito “Brancos do Sul são os melhores amigos dos negros, mas integração não”

Jovem em um carro coberto por mensagens racistas no Texas em 1956

Jovem em um carro coberto por mensagens racistas no Texas em 1956

Buddy Trammell (“Nós, estudantes da escolha Clinton, não queremos negros em nossa escola”) , Max Stiles (“Não iremos para a escola com negros”) e Tommy Sanders “(Greve contra a integração na Clinton”) protestam contra a integração de sua escola no Tennessee, em 1956

Buddy Trammell (“Nós, estudantes da escolha Clinton, não queremos negros em nossa escola”) , Max Stiles (“Não iremos para a escola com negros”) e Tommy Sanders “(Greve contra a integração na Clinton”) protestam contra a integração de sua escola no Tennessee, em 1956

Uma "sala de espera para negros" em Oklahoma, em 1955

Uma “sala de espera para negros” em Oklahoma, em 1955

Placa em Detroit, em 1942: "Queremos moradores brancos em nossa comunidade branca"

Placa em Detroit, em 1942: “Queremos moradores brancos em nossa comunidade branca”

População negra restrita ao fundo dos ônibus na Carolina do Sul, em 1956

População negra restrita ao fundo dos ônibus na Carolina do Sul, em 1956

Bebedouros "somente para pessoas de cor"

Bebedouros “somente para pessoas de cor”

A grande Rosa Parks sendo presa no Alabama, em 1956, poucos meses após ter se recusado a ceder seu lugar em um ônibus para um passageiro branco - gesto que levou ao boicote dos ônibus pela população negra e tornou-se um marco na luta pelos direitos civis

A grande Rosa Parks sendo presa no Alabama, em 1956, poucos meses após ter se recusado a ceder seu lugar em um ônibus para um passageiro branco – gesto que levou ao boicote dos ônibus pela população negra e tornou-se um marco na luta pelos direitos civis

Uma sala de aula segregada na Geórgia, em 1941

Uma sala de aula segregada na Geórgia, em 1941

Carro com bandeira dos confederados e um cartaz que diz: "Salvem nossas crianças da praga negra" - em Nashville, 1956

Carro com bandeira dos confederados e um cartaz que diz: “Salvem nossas crianças da praga negra” – em Nashville, 1956

Homem bate em um boneco enforcado em protesto contra a integração racial no Arkansas, em 1957

Homem bate em um boneco enforcado em protesto contra a integração racial no Arkansas, em 1957

Estudante reage no Arkansas, em 1958, depois de ouvir que ele e sua irmã teriam de deixar a calçada para os jovens brancos passarem

Estudante reage no Arkansas, em 1958, depois de ouvir que ele e sua irmã teriam de deixar a calçada para os jovens brancos passarem

© fotos: Buzzfeed

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s