Fotos de brincadeiras antigas mostram como a tecnologia mudou a infância

Basta alguém ter passado dos 30 anos para se lembrar perfeitamente de uma infância sem telefone celular, tablets ou computadores. Para estudar, se divertir e passar o tempo, não havia o virtual: além do mundo real, só mesmo a nossa imaginação – e ela, nossa imaginação, é quem sempre melhor nos acompanhava na hora das brincadeiras infantis.

Brinc11

Talvez pareça espantoso, mas as crianças divertiam-se tanto ou mais, no passado sem virtualidade nem tanta tecnologia, quanto hoje. Livros, gibis, jogos, bonecos, correr, dançar, andar de bicicleta e brincar de forma geral – além, é claro, dos próprios amigos – faziam a felicidade da criançada.

Brinc19

Essa seleção de fotos de crianças brincando pelo mundo em meados do século passado mostram como era a vida e as brincadeiras de então – e nos faz perceber o quanto a tecnologia transformou, para o bem e para o mal, a infância hoje.

Brinc20

Brinc17

Brinc16

Brinc14

Brinc13

Brinc12

Brinc15

Brinc10

Brinc9

Brinc8

Brinc7

Brinc6

Brinc5

Brinc4

Brinc3

Brinc2

Brinc1

© fotos: reprodução/Bored Panda

A divertida vida de Lee Asher, um cara que não consegue parar de adotar animais abandonados

Tem gente que não consegue parar de comprar, tem quem não consiga parar de fumar, tem gente que come compulsivamente, dorme ininterruptamente, não consegue sair da internet ou tirar fotografias. A mania do americano Lee Asher são os animais: Lee não consegue parar de adotar cães e gatos resgatados.

Lee11

Nesse momento são nove animais resgatados vivendo em sua casa – sete cachorros e dois gatos. E esse belo hábito vem desde sua infância – desde pequeno Lee sabia que iria sempre cuidar de animais, e costumava passar horas em um abrigo perto de sua casa, em Los Angeles, onde aprendeu sobre os processos de resgate e as pessoas envolvidas com a causa.

Lee_HOME

Lee7

“Eu sempre soube que quando crescesse teria uma casa repleta de animais resgatados, então não é surpreendente nem para mim ou para as pessoas que me conhecem ver hoje minha casa”, ele disse ao site Dodo.

Lee10

Vários dos animais adotados por Lee necessitavam de cuidados médicos, e ele sempre escolheu os que mais precisavam dele. Entre animais enormes e diminutos, jovens e velhos, ele cuida de todos com a mesma dedicação e afeto.

Lee2

Lee10

Lee9

Para muitos parece uma vida difícil, mas para Lee é realmente natural. Ele passeia com todos sempre que pode, ao mesmo tempo que procura passar um tempo individual também com cada animal – existe o afeto coletivo, mas cada um precisa de sua individualidade, tempo e carinho, feito uma família de fato, que é exato o que são.

Lee8

Lee3

Lee4

Lee5

Lee6

© fotos: divulgação

Justiça indiana declara rios Ganges e Yamuna ‘seres vivos’ com direitos equiparáveis aos das pessoas

Para a religião hindu, o Rio Ganges, que cruza a Índia, é sagrado. Um mergulho em suas águas, segundo tal crença, pode limpar a pessoa de todos os seus pecados, e até mesmo curar doenças – para os hindus a vida não é completa sem um mergulho.

O nível de poluição do rio, no entanto, é tão elevado, que em verdade suas águas provocam doenças e podem encerrar vidas. A fim de alterar o processo de poluição do rio e tentar salvar seu ecossistema e a própria vida do Ganges, uma alta corte indiana passou a considerar o rio um “ser vivo”, com direitos equiparáveis ao de pessoas.

Ganges1

Além do Ganges, foi incluído como “ser vivo” também o rio Yamuna, em um procedente aberto pela Nova Zelândia, que realizou o mesmo processo com seu rio Whanganui. O processo correu no Tribunal Superior de Uttarakhand, estado ao norte da Índia, a pedido de um morador da cidade sagrada de Haridwar, para quem o Ganges “é como uma mãe que está sendo descuidada”.

INDIA-RELIGION-HINDU

INDIA FESTIVAL

A poluição no Ganges se dá tanto pelo despejo irregular de esgotos, inclusive de hospitais, quanto pelos rituais de cremação praticados em suas águas. O rio é considerado um dos cinco mais poluídos do mundo, com níveis de coliformes fecais mais de mil vezes acima do limite oficial.

Ganges5

Que precisemos de leis para cuidar da natureza – especialmente de um rio que é considerado sagrado por sua própria população – diz muito sobre o ser humano. Seja como for, preserva-lo, seus direitos e sua própria vida, é também preservar a vida de todos os outros seres vivos. Que se torne um exemplo bem sucedido, afinal, todo rio é um pouco sagrado

Ganges6

Ganges2

© fotos: divulgação

Os lugares mais lindos e remotos do planeta Terra

Existem tantos lugares maravilhosos e escondidos no mundo que às vezes vale à pena sair das rotas tradicionais e explorar o que há de pouco convencional. Pensando justamente nisso, um aplicativo de compartilhamento de fotos, o EyeEm, realizou um concurso pedindo para que seus usuários publicassem ângulos diferentes e interessantes dos lugares para onde já viajaram.

Os resultados são vistas deslumbrantes de menos óbvio – mas ainda muito turístico digno – pára na Islândia, Myanmar, Canadá, e muito mais.

Veja algumas delas:

Os visitantes podem caminhar ao longo do Canyon Fjaðrárgljúfur no Sul da Islândia.

01
@giiovi/EyeEm

O Projeto ‘Royal Angkhang Station‘ fornece suporte às instalações agrícolas locais da província de Chiang Mai da Tailândia.

02
@SeksanPanyamoi/EyeEm

Aqui está uma foto de uma adega formada naturalmente dentro da geleira de Athabasca no parque nacional de Banff, mais antigo parque nacional do Canadá.

03
@strandholm /EyeEm

Turistas e moradores podem esquiar, fazer caminhadas ou parapente sobre a montanha Ahornspitze perto do vale Zillertal em Tirol, Áustria.

04
@jacklycat/EyeEm

A Mesquita Omar Ali Saifuddien tem quase 60 anos de idade e está localizada em Bandar Seri Begawan, capital do de Brunei.

05
@AzriSuratmin/EyeEm

As ‘Montanhas da Superstição’, localizadas no Arizona, são o lar do lendário – e possivelmente falso – ‘Mineiro Holandês Perdido’, que tem atraído muitos ao longo dos anos em busca de tesouros escondidos.

06
@jedition/EyeEm

A cachoeira Seljalandsfoss na Islândia tem 60 metros de altura um caminho para andar atrás dela.

07
@mojojobooer/EyeEm

O pilar Katskhi em Tbilisi, Geórgia, é um monólito de calcário natural. Em cima fica uma pequena igreja originalmente construída no século 7.

tbilisi-georgia-eyeem-96362800
@bortnikau/EyeEm

O lago Königssee no Parque Nacional de Berchtesgaden, Alemanha.

08
@JochenConrad/EyeEm

Igreja Sacre Coeur de Paris, está aberta para visitantes todos os dias.

09
@BizouCarcajou/EyeEm

A cachoeira Latourell, no Oregon é acessível por caminhada.

010
@noeldong/EyeEm

Localizadas entre a Noruega e o Pólo Norte, as Ilhas Svalbard são o lar de apenas 2.500 pessoas.

011
@AnnyMphotographie/EyeEm

A cidade de Yangon foi a capital de Mianmar (antiga Birmânia)  entre 1948 e 2006.

012
@dennispsk/EyeEm

A Península de Musandam, a governadoria de Omã, é por vezes referida como o “Noruega da Arábia” devido a bela paisagem e suas pequenas aldeias.

013
@yogAnna/EyeEm