Ex-bailarina vira designer e cria mais de 30 pôsteres incríveis de mulheres que fizeram história na ciência

Amanda Phingbodhipakkiya usou suas habilidades para criar 32 pôsteres que exaltam algumas das mulheres que fazem parte da história da ciência. O projeto ganhou o nome Beyond Curie (“Além de Curie“, em inglês), em alusão a Marie Curie, primeira mulher a ganhar um Nobel, primeira pessoa a ganhar o prêmio duas vezes e única a ganhá-lo em duas áreas diferentes.

mulheres3

O projeto une fotos destas mulheres incríveis com suas descobertas no campo da ciência e tecnologia em uma única imagem. 16 das mulheres retratadas são ganhadoras do Prêmio Nobel, enquanto as outras 16 são mulheres que realizaram feitos extraordinários em suas áreas de atuação. A iniciativa ganhou também uma campanha de financiamento coletivo através da plataforma Kickstarter, onde já reuniu mais de US$ 15 mil – todos os lucros da campanha serão revertidos para a Association for Women in Science, que promove os interesses das mulheres cientistas.

mulheres4

No caso de Amanda, o interesse pela área surgiu quando, após se acidentar esquiando, ela não podia mais dançar da mesma forma que fazia antes. Então, começou a estudar os sistemas nervoso e muscular até chegar a trabalhar com uma pesquisa na área de Alzheimer na Columbia Medical Center. Foi quando percebeu que o design também poderia ser uma ferramenta importante na área da ciência – e decidiu aprender mais sobre o assunto.

mulheres5

Hoje, Amanda é diretora criativa e designer. Os pôsteres criados por ela podem ser adquiridos em formato digital, bem como impressos em postais, capas de bloquinhos e em outros formatos clicando aqui.

Espia só alguns deles abaixo:

mulheres6

mulheres15

mulheres14

mulheres13

mulheres12

mulheres11

mulheres10

mulheres9

mulheres8

mulheres7

Todas as fotos © Amanda Phingbodhipakkiya ;Fonte:via

O primeiro anfíbio fluorescente do mundo foi descoberto e é maravilhoso

Durante o dia, a perereca Hypsiboas punctatus não parece muito diferente das tantas espécies que habitam a América do Sul. Mas, quando cai a noite, a baixa luminosidade revela a característica mais incrível deste animal: a fluorescência.

A descoberta recente, publicada por cientistas brasileiros e argentinos, surpreendeu os próprios especialistas. Eles explicam que a fluorescência é relativamente comum em animais marinhos, mas bastante rara nos terrestres – apenas algumas poucas espécies de papagaios, borboletas e artrópodes como aranhas e escorpiões tinham sido identificadas com a propriedade.

http://giphy.com/embed/3o7bubp9g6Bs1JVrhe

via GIPHY

Os biólogos lembram que a fluorescência não deve ser confundida com bioluminescência: enquanto na primeira os organismos são capazes de absorver ondas de luz curtas e emiti-las de forma longa, o que os faz brilhar, na segunda são processos químicos que respondem pela emissão de luz.

Isso significa que, ao contrário dos bioluminescentes, que emitem luz própria mesmo na total escuridão, a Hypsiboas punctatus apenas “reflete” a luz em ambientes escuros, mas com alguma claridade. Os cientistas ainda não sabem direito como e por que a espécie de perereca desenvolveu a característica, mas a comunicação com o objetivo do acasalamento é a principal hipótese levantada.

img_757x498$2017_03_14_18_33_51_608549

58d0d37514000088060709dd

img_757x498$2017_03_14_18_26_14_608548

Imagens: Reprodução

Arquitetos criam ponte que funciona também como mirante para ver o pôr do sol

A arquitetura pode ir além da funcionalidade de se levantar edifícios e construções simplesmente – pode ser uma arte criativa que realmente amplia e melhora as experiências, grandes e pequenas, dos moradores de uma cidade.

Um ótimo exemplo é a nova construção realizada pelo Steb/Studio Evren Basbug, na cidade de Izmir, na Turquia: o que poderia ser somente uma ponte comum para pedestres foi transformado em um belo e moderno mirante, perfeito para se admirar o pôr do sol.

Ponte10

A ponte, batizada de Bostanli, atravessa um córrego, e se caracteriza por seu design desenvolvido para o conforto de quem se sentar em seus arrojados bancos. Assim, a estrutura permite se atravessar a água a pé e, ao mesmo tempo, serve como uma espécie de parque público, perfeito para encontros românticos, com amigos, ou simplesmente para se meditar diante da beleza da natureza.

Ponte9

Ponte7

O ambiente é amplo e perfeitamente integrado ao cenário natural do local. Uma ideia simples e bonita, que mostra como cada construção de uma cidade pode ser sempre mais do que simplesmente sua função original – contribuindo assim para a melhor interação entre pessoas, com a natureza e com a própria cidade.

Ponte5

Ponte4

Ponte3

Ponte2

Ponte1

Ponte8

© fotos: divulgação

Ele transformou seu jardim em horta para promover a interação entre os vizinhos

Há dois anos, o fotógrafo canadense Luke Keegan, que vive em Oakland, na Califórnia, resolveu dar uma nova finalidade para o seu jardim. Ele transformou o gramado em frente à sua casa em uma horta.

“Eu queria algo que eu pudesse compartilhar com a minha comunidade e que ajudasse a incentivar novas conversas, para eu conhecer melhor os meus vizinhos e a cidade”, explicou o fotógrafo ao site MNN.

Apesar de não ter nenhum tipo de experiência com agricultura, Luke foi atrás de informações através de pesquisas e de conversas com os amigos e seguiu em frente com seu projeto.

hortacanada

hortacanada3

09-peas-flowers-beets-onions

Primeiro, ele construiu os canteiros. Depois, eles foram preenchidos com adubo, sementes e o sistema de irrigação foi implantado. Durante todo o processo, ele conta que o contato com os vizinhos ficou bem mais próximo. “Às vezes as pessoas paravam seus carros na rua e desciam para conversar ou trocar sementes. Eu amo essa troca, é um excelente quebra-gelo”, comentou.

Luke planta diversos alimentos como cenoura, batata, beterraba, abóbora, folhagens diversas, alho e milho, e a produção da horta às vezes é tão grande que, para não evitar o desperdício, ele disponibiliza o excedente gratuitamente para a comunidade.

hortacanada1

hortacanada2

06-carrots-garlic

07-painted-corn

10-kale-butternut

Imagens © MNN