A mulher que faz verdadeiras obras de arte usando apenas seu (incrível!) cabelo

Natural da Costa do Marfim, Laetitia Ky nunca imaginou que seu trabalho fosse cruzar fronteiras e ser visto por pessoas de todo o mundo. A jovem é capaz de criar verdadeiras obras de arte usando os seus cabelos – e não demorou para que seu talento se espalhasse pelas redes sociais.

Após ver um perfil no Instagram que mostrava penteados incríveis usados por algumas tribos africanas, Laetitia se inspirou e decidiu criar ela mesma seus próprios estilos. Em entrevista ao site The Culture Trip, ela conta que desde os cinco anos gosta de criar penteados com a sua mãe, tendo preferência por tranças. Para evitar sair de casa sempre do mesmo jeito, ela buscava criar novos estilos com suas tranças – até que um dia essas criações se tornaram verdadeiras esculturas.

A jovem compartilhou algumas fotos de suas criações no Instagram e o conteúdo acabou se tornando viral – em poucos dias, ela havia conquistado 8 mil novos seguidores. Desde então, suas madeixas já se transformaram em mãos, na África, em orelhas de coelho e até em um globo terrestre. As criações demoram entre 20 minutos e duas horas para ficar prontas e tudo é feito pela própria Laetitia.

O resultado é sensacional:

Todas as fotos © Laetitia Ky fonte:via

Essas são algumas das vencedoras da competição mundial de ilustração e são muito boas

A Associação dos Ilustradores, em parceria com o Diretório de Ilustração da Califórnia, acaba de divulgar os vencedores do World Illustration Awards 2017. Após 50 projetos pré-selecionados em 8 categorias diferentes, 15 levaram o prêmio máximo da competição.

O júri, composto por editores, artistas e designers internacionais, penou para selecionar os vencedores, já que era um trabalho mais incrível que o outro. Entre os trabalhos inscritos, haviam diversas técnicas, desde pintura a óleo até ilustração digital.

Já entre os ganhadores, há um retrato de Bill Murray feito pelo artista Tony Rodriguez para o Washington Post, a campanha Apple Pencil, do artista Claudine O’Sullivan, e as ilustrações de Lizzy Stewart para o livro infantil “There’s a Tiger in the Garden”.

Todos os trabalhos vencedores estarão em exposição no Somerset House, em Londres, de 31 de julho a 28 de agosto. Também é possível conferir a lista completa no site.

© Tony Rodriguez

© Marguerite Carnec

© Tobatron

© Chen Winner

© Aart-Jan Venema

© Lizzy Stewart

© Steven Choi

© Rosalba Cafforio

© Marco Palena

Todas as imagens © Nina Chakrabarti:fonte:via

Maior grafite do mundo feito por uma mulher acaba de ser inaugurado no Rio de Janeiro

Já repararam que os nomes de maior destaque no street art mundial são homens? No entanto, mesmo que existam mulheres tão ou mais talentosas que os artistas masculinos neste segmento da arte, elas não possuem tantas chances de mostrar seu trabalho.

Mas eis que já passou da hora de mudar esta realidade e o ponto de partida foi bem aqui em território nacional. A artista Luna Buschinelli é responsável pelo maior grafite do mundo produzido por uma mulher. A obra, o enorme painel intitulado “Contos”, foi feita no prédio da Escola Municipal Rivadávia Corrêa na Av. Presidente Vargas entre a Igreja da Candelária e a Central do Brasil, no Rio de Janeiro.

A artista, de apenas 19 anos, trabalhou das 8 às 18h por cerca de 1 mês para pintar os cerca de 2.500 m² do complexo escolar. Luna foi convidada pelo produtor Pagu, responsável, ao lado de Andrea Franco, pelos murais do Boulevard Olímpico — entre eles, o de Kobra, reconhecido pelo Guinness como o maior grafite do mundo.

O trabalho faz parte do projeto Rio Big Walls da Secretaria Municipal de Cultura que pretende valorizar espaços por meio da arte urbana. O grafite foi inaugurado no último dia 16 de junho e vai apresentado ao Guinness Book

Confira algumas imagens:


Humberto Ohana


Humberto Ohana


Humberto Ohana

Todas as fotos © Humberto Ohana fonte:via

A magia de ter trigêmeos e a vida com seis filhos pela lente dessa fotógrafa e mãe

Há quem creia que cada um possui um destino prévio, como que escrito, pronto para ser cumprido por cada um de nós. Por outro lado, a vida pode ser uma combinação incomensurável de fatores, que faz com que nossas experiências sejam todas singulares e igualmente interessantes.

Crendo ou não, certas vivências nos fazem pensar: como Lucia, a fotografa que, além de colocar belas imagens no mundo, também colocou seis filhos: um menino, depois dois meninos gêmeos, e depois trigêmeas.

Para ela, ter seis filhos é um ofício intenso, mas que faz valer cada segundo. Foi para registrar essa aventura bonita e trabalhosa que ela começou, quatro anos atrás, a tirar fotografias – e para nos mostrar como é a vida com suas trigêmeas. Não há de ser, de fato, tarefa simples, mas o afeto em abundância, como é possível sentir em seu site ou sua página no facebook, parece realmente fazer com que o cansaço seja proporcional ao amor – uma conta que sempre dá certo.

Todas as fotos © ChildExpressions fonte:via