A emoção 18 avós e bisavós (quase) centenários ao verem seus netinhos pela primeira vez

Se a internet muitas vezes parece ser somente um reservatório do pior do ser humano, onde o ódio, o preconceito e a violência podem reinar ruidosamente, ela também é capaz de nos lembrar dos mais bonitos e profundos sentimentos.

Uma postagem recente no site Bored Panda reunindo fotos de avós e bisavós encontrando netos e bisnetos recém nascidos pela primeira vez é capaz de ao menos um pouco renovar nossas esperanças no ser humano.

São imagens simples e tocantes, que falam do tempo, dos ciclos, das renovações e encerramentos que a vida nos traz, e de um afeto que parece capaz de atravessar todo e qualquer processo e se multiplicar com um mero toque de mãos ou com somente uma troca de olhares.

A força de um bebê recém nascido parece se multiplicar diante de seu parente mais velho, assim como a doçura de um bisavô floresce feito este fosse um bebê diante de seu bisneto com poucos dias de vida – com o tempo imperando como um possível sinônimo da palavra amor.

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

11.

12.

13.

14.

15.

16.

17.

18.

© Bored Panda /fonte:via

3 comentários

  1. Pingback: A emoção 18 avós e bisavós (quase) centenários ao verem seus netinhos pela primeira vez — VIVIMETALIUN – escreversonhar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s