Conheça o pintor que cria suas obras dentro do oceano

O mar não é apenas inspiração para o artista Peter Matthews. Ele faz parte da obra.

Sua carreira começou a adquirir um novo rumo após uma experiência em que quase se afogou enquanto surfava no México em 2007, segundo contou à BBC. Após conseguir chegar à praia em segurança, Peter teve uma epifania e percebeu que gostaria de criar suas obras em conjunto com a natureza, como faz até hoje.

Ao criar desenhos e pinturas, o artista deixa que a água os modifique. Normalmente, Peter entra no mar pela manhã e só sai à noite, sempre acompanhado de suas obras. Ao dormir, ele deixa algumas peças em uma piscina natural, para que os elementos da natureza continuem agindo sobre elas.

Estou interessado em trabalhar diretamente com os elementos místicos, dimensões e verdades que moldam e informam nossa experiência e entendimento de quem somos e onde nós estamos no universo“, descreve o artista em seu site.

Alguns de seus quadros estão sendo vendidos por milhares de libras pela Galeria Saatchi, em Londres.

Parte do processo de criação de Peter foi registrada através do documentário In Search of The Sublime, que pode ser visto abaixo.

 

Fotos: Peter Matthews /fonte:via

Anúncios

Mulher é filmada abandonando 4 cães. Mas a união das pessoas salvou o dia

O abandono de animais é uma das práticas mais cruéis de um ser humano, mas infelizmente muito comum. Só no Brasil, estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS) existem 30 milhões de bichos nas ruas, entre 10 milhões de gatos e 20 milhões de cães.

Nos Estados Unidos a história não é diferente, mas desta vez a tentativa de uma mulher de se livrar de seus quatro cachorros foi frustrada graças ao esforço coletivo de moradores de San Antonio, no Texas.

O final feliz foi possível pois enquanto despejava seus cachorros na rua, a mulher não percebeu que estava sendo filmada. Mesmo assim demonstrou frieza e não reduziu o ímpeto nem ao ser informada das das consequências da ação.

Quando as autoridades entraram no caso e encontraram três dos quatros animais o jogo virou. Arrependida da atitude cruel e sensibilizada com a busca pelo quarto cachorro, a ex-dona auxiliou os policiais a encontrá-lo. Em seguida os encaminhou para um órgão especializado em assistência animal. De acordo com a lei texana, um indivíduo condenado por abandono pode ficar um ano preso e pagar multa de R$ 13 mil.

No Brasil o abandono de animais também é crime e está enquadrado na Lei de Crimes Ambientais e segundo o artigo 164 do Código Penal pode resultar de 15 dias 1 ano de prisão, além de multa.

https://rumble.com/embed/v27r87/

 

Fotos: Reprodução/fonte:via