Artista espalha provocativas esculturas urbanas feitas com manequins

A arte urbana é uma das formas de expressão mais incríveis que existem, pois além de tudo é democrática. Ninguém precisa pagar entrada para ver um grande mural de grafite, uma poesia no muro ou, qualquer outra forma de arte que esteja nas ruas de uma cidade. Neste contexto, o artista norte americano, Mark Jenkins é especialista em espalhar sua arte pelas cidades do mundo inteiro.

Com diversas instalações, em cidades como Rio de Janeiro, Barcelona, Londres e Washington, ele utiliza manequins e os posiciona em lugares estratégicos, como telhados, latas de lixo ou até mesmo sentados em algum lugar público. Uma arte completamente inesperada, que faz qualquer cidade ficar mais interessante.

Muitas vezes, ele utiliza materiais encontrados no lixo, como o plástico. Coincidentemente (ou não!) tudo começou em uma viagem ao Rio de Janeiro, quando usou os lixões da cidade maravilhosa como fonte de pesquisa e, sobretudo de material.

Sua última série, em que mistura manequins humanizados com instalações de plástico, recebeu o nome de “Glazed Paradise”. Eu não sei você, mas eu gostaria muito de cruzar com uma destas instalações de Mark em meu caminho!

Fotos: Mark Jenkins /fonte:via

Anúncios

Sorte é poder ver a aurora boreal em um iglu de vidro na Finlândia

A natureza é perfeita e capaz de nos oferecer verdadeiros espetáculos, mas talvez o fenômeno que mais nos encanta, seja a aurora boreal. Pela raridade, beleza ou dificuldade em observar o céu ficar verde, observar a aurora boreal é sonho de 9 entre 10 mortais. O fenômeno só acontece na Escandinávia, Alasca, Canadá, Groenlândia e Rússia ,e a novidade é que, se antes somente os corajosos podiam ter esse gostinho, agora já existem diversas hospedagens confortáveis para quem quer ter uma noite inesquecível.

Na Lapônia finlandesa, um dos locais onde a probabilidade de observar o fenômeno é grande – talvez a maior, é possível entrar em contato com a aurora boreal, do conforto da sua cama. Este fantástico hotel, onde os quartos são confortáveis iglus com tetos de vidro, fica nas margens do Lago Ranuanjärvi, em um cenário que mais parece filme de fantasia.

As cabines do Arctic Fox Igloos possuem quarto, cozinha completa, banheiro privativo e sauna, mas o ponto forte é sua localização e chance de ver a aurora boreal, deitado na cama ou tomando um vinho, sem precisar se aventurar no frio alucinante do lado de fora. Para ter uma experiência completa, o hotel também oferece passeios de trenó e safáris na neve. Ficou com vontade? Nós também!

Fotos: Arctic Fox Igloos /fonte:via