Tutora cria um cama-carrinho para poder passear com sua cadelinha de 14 anos

Resultado de imagem para Gabriele Gripp

Acessibilidade é amor, é oferecer possibilidades para o convívio e o afeto – seja para pessoas com deficiências ou dificuldades, seja para animais. É isso que a história cadelinha capixaba Lilly, de 14 anos, e de seu tutora, Gabriele Gripp, nos mostra: portadora de uma doença genética chamada displaxia coxofemoral, Lilly sofria com tanta dor em suas articulações que já não conseguia mais sair de casa. Para espantar a tristeza de sua cachorrinha, Gabriele fez uma um carrinho especial para que ela pudesse passear.

Gabriele viu na internet a ideia, e decidiu copiar. Ela então pediu a seu pai que desenvolvesse um carrinho para Lilly. Com um pedaço de tábua, um puxador de gaveta e rodinhas, o carrinho estava pronto – e a felicidade parece ter voltado para a vida da cadelinha. A casa foi toda preparada, com tapetes antiaderentes e caminhas especiais para ela ter mais facilidade para levantar.

E se antes, por conta da dor, Lilly não permitia mais que ninguém a pegasse no colo, agora, com a engenhoca que permite que ela volte a passear, ela voltou a ser dócil como sempre foi, e parece saber a hora de dar sua voltinha – e de poder ser feliz de novo.

© fotos: reprodução

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s