Médico demitido sem aviso prévio atende pacientes na calçada

Rodrigo Ferreira Gomes, de 31 anos, foi demitido da Maternidade João Ferreira Gomes sem aviso prévio. O médico recebeu a notícia assim que chegou para trabalhar. Mesmo assim, não deixou de cumprir seu dever e atendeu os pacientes na calçada.

A situação aconteceu em Itapajé, no Ceará e segundo o jornal O Povo, Rodrigo foi afastado por não apoiar o candidato do prefeito. Os atendimentos aos pacientes foram feitos nas proximidades do centro de saúde, com o auxílio de cadeiras e mesas de plástico.

“Meus pacientes estavam me esperando e eu avisei para eles que tinham me demitido, mas que aguardassem pois eu ia atender a todos”, justificou.

Rodrigo explica que tomou a atitude de montar um consultório na calçada em respeito aos pacientes, mas também para protestar diante de uma decisão considerada injusta pelo médico.

“A gestão está querendo justificar a minha retirada porque teve um dia, duas semanas atrás, que não tinha médico para atendimento durante uma manhã inteira, pois eu estava viajando. Eu avisei com um mês de antecedência sobre essa viagem e tenho os documentos que comprovam isso. Era obrigação deles fazer uma substituição. Foi falta de responsabilidade deles e querem responsabilizar a gente”, finalizou Rodrigo, que trabalhou durante seis anos na Maternidade João Ferreira Gomes.

Até o momento, a Prefeitura Municipal de Itapajé e a Secretaria de Saúde da Cidade não se pronunciaram.

Foto: Reprodução/Facebook/fonte:via

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s