Garota de 8 anos viraliza ao se tornar ‘barbeira’. E ela corta cabelo de todo mundo de graça

Não há idade mínima para investir em seu futuro, desenvolver suas habilidades e seguir suas paixões – assim como não há idade mínima para ajudar sua comunidade, e a história da pequena Neijae Graham-Henries é a prova viva e objetiva de tais máximas. Aos 8 anos de idade, a moradora da Filadélfia, no estado da Pensilvânia, nos EUA, decidiu oferecer seus serviços de cabeleireira de graça para os moradores locais.

Não se trata, no entanto, de um capricho ou piada: apesar da pouca idade, ela é formada em um curso de cabeleireiro na Junior Barber Academy. A mais jovem aluno do curso cumpriu todas as exigências ao longo das seis semanas de estudos intensos para se formar, e depois que concluiu o processo decidiu devolver diretamente à comunidade o que tinha aprendido.

Depois de ajudar a cortar o cabelo das mais de 300 pessoas no salão do próprio curso para a volta às aulas, Neijae cortou o cabelo de sua própria professora.

O espírito comunitário faz parte do processo de formação na Junior Barber Academy, mas até mesmo Michael Boone, o proprietário do curso, se viu impactado pela determinação e a consciência de Neijae.

Foi inspirado no gesto da jovem cabeleireira que ele decidiu que reservaria um dia, no mês de dezembro, exclusivo para cortar os cabelos de desabrigados e pessoas em situação de rua – e Neijae já confirmou sua participação, de tesoura na mão, como parte da equipe.

© fotos: reprodução/fonte:via

Anúncios

Casal capixaba rompe com estereótipo de borracharias com ambiente clean, agradável e tratamento gentil

Quando temos que ir a uma borracharia para realizar qualquer reparo no pneu de um carro, automaticamente nos imaginamos em um ambiente sujo de graxa por todos os lados, caótico e até hostil, no qual o tratamento oferecido ao cliente é similar ao ambiente. Tal imaginário é real a respeito da vasta maioria das borracharias do Brasil – a não ser que seu pneu fure em Vitória, no Espírito Santo, e você decida repará-lo na Borracharia do Leandro. Na chegada você talvez imagine estar entrando em uma loja de grife ou até mesmo um restaurante, mas não se engane: trata-se de uma borracharia com todos os serviços que esse local nos oferece, mas com uma qualidade de ambiente e de tratamento jamais vistos.

A maneira mais simples de se entender seria afirmar que Leandro Freitas, ao lado de sua mulher Luana, decidiram transformar a tradicional borracharia suja que tinham em uma borracharia gourmet. Mas enquanto a gourmetização de muitos produtos ou locais pode significar simplesmente uma repaginação desnecessária pela venda de um produto mais caro, na Borracharia do Leandro o efeito é radical e fundamental: lá se encontra um ambiente clean, bonito, agradável e sustentável, em que todo lixo é reaproveitado e as sobras de pneus são transformadas em produtos reciclados.

O mais importante, no entanto, é o que vem com o novo ambiente: um novo tratamento. Seus 16 funcionários não somente atendem com uniformes engravatados, limpos e bonitos, mas foram treinados para abandonar a postura hostil e desorganizada que normalmente conduz a relação com os clientes em uma borracharia – e tratar os clientes com respeito, cuidado e atenção. Se o tempo de permanência em uma borracharia costuma ser em média de 30 minutos, no Leandro você pode se sentar, tomar um café, uma água, para receber um tratamento que deveria ser padrão, mas é em verdade diferenciado.


Leandro é borracheiro desde os 14 anos, e confessa que chegava a ter vergonha da profissão, justamente pelo estereótipo que ele decidiu quebrar. Ao decidir valorizar as pessoas – tanto seus funcionários quanto os clientes – e transformar o imaginário que temos de uma borracharia, ele percebeu estar também ampliando seu próprio público: se para qualquer um o ambiente da Borracharia do Leandro é muito mais convidativo e agradável, para o público feminino e idoso, que muitas vezes acaba sofrendo algum tipo de desconforto ou abuso nesses ambientes, a experiência se transforma radicalmente. Natural, portanto, que desde agosto de 2017, quando a repaginação se deu, ele tenha visto seu rendimento aumentar substancialmente.

Hoje são de 50 a 80 atendimentos por dia, e o desejo de crescer ainda mais: franquiar a borracharia e seu conceito, e também abrir uma loja com os produtos feitos a partir dos pneus, como pufes, cadeiras e banquetas, são os próximos passos dos sonhos de Leandro e Luana.

Alguns dos produtos desenvolvidos com pneus na borracharia

E foi esse futuro promissor que o casal levou ao programa Shark Tank Brasil, a fim de tentar alguns dos tubarões a investirem na Borracharia do Leandro para dar esses próximos passos com eles.

O casal no Shark Tank Brasil/fonte:via