Os heróis anônimos que emprestaram seus corpos à luta pelos direitos civis nos EUA

A luta pelos direitos civis nos Estados Unidos partiu de pessoas comuns, como eu e você. Em 1961, indivíduos de todas as etnias decidiram protestar de forma silenciosa pelo direito dos negros a viajar de ônibus, sentados em qualquer lugar do veículo. Na época, as leis em vigor no sul do país definiam que determinados assentos em ônibus interestaduais só poderiam ser usados por pessoas brancas.

Com base na ideia de desobediência civil e protestos não violentos, surgiu o movimento que ficou conhecido como “freedom riders” ou “viajantes da liberdade”. Pessoas negras e brancas viajavam em grupos, com o objetivo de desrespeitar as leis segregacionistas e permitir que viajantes negros pudessem sentar em qualquer lugar do ônibus.

No conservador estado do Missouri, muitos destes ativistas terminaram presos. Alguns dos veículos em que os protestos ocorreram foram também alvos de ataques realizados pela Ku Klux Klan.

O site The Pop History Dig reuniu fotografias destes heróis anônimos ao serem fichados pela polícia e elas são o verdadeiro retrato da luta pelos direitos civis. Vem ver!


fonte:via Fotos via The Pop History Dig

Anúncios

12 países incríveis para conhecer nas 4 estações do ano

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é EDIT_Lisboa.jpg

É possível, portanto, agendar a viagem de seus sonhos para qualquer época do ano, e desfrutar das mais variadas maravilhas nos lugares mais diversos do planeta. Não importa quão longe seja seu destino, porém, não é preciso perder o contato com suas raízes, e se isolar das pessoas que nos esperam em casa. Para isso a Claro oferece as vantagens do Passaporte Mundo, que permite que o cliente utilize seu plano Pós Ilimitado em 80 países.

A chegada de um novo ano é sempre a abertura de novas possibilidades –de descobertas e transformações para cada um de nós. 2019 já começou e, se todo ano que se inicia é esse abrir de novas portas, nada mais apropriado para nossa renovação do que uma bela viagem.

Mudar o cenário ao nosso redor é o gesto mais eficaz para mudarmos igualmente nossos cenários internos – mas é também fato que a maioria não pode simplesmente viajar na hora que quer. O apertado cronograma da vida, e principalmente o aperto em nossos bolsos exige que nossas viagens sejam planejadas com muita antecedência.

Alguns aproveitam o fim do ano que acaba e o início do novo ano para, junto com as férias escolares da criançada, finalmente realizar a sonhada viagem. Outros esperam o meio do ano, para fugirem do inverno brasileiro, e outros simplesmente podem escolher períodos entre as férias, para justamente fugir das altas temporadas. Assim, com a ajuda da Claro e seu Passaporte Mundo, preparamos uma lista de lugares incríveis para se visitar em cada época do ano – cada um com seu charme e especialidade para cada estação.

Enquanto é verão no sul, o frio do inverno chega ao norte, então qualquer época do ano oferece uma possibilidade de viagem, seja você alguém do calor ou alguém do frio.

VERÃO

1. Grécia

Resultado de imagem para grecia

Para fugir da chuva e viver o esplendor das águas do Mar Egeu, a viagem perfeita para a Grécia é entre julho e agosto. As ilhas mais famosas, como Santorini e Mykonos, oferecem praias paradisíacas e água transparente, em um dos mais belos países do mundo – além das ruínas e de toda a história da Grécia antiga.

2. Nova Zelândia

Um dos países mais espetaculares em belezas naturais do mundo, o verão na Nova Zelândia acontece junto com o brasileiro, entre dezembro e fevereiro. Sol, mar e areia são as principais atrações do verão neozelandês, mas pelo país todo trilhas, verde e atrações especiais – como nadar com golfinhos e grandes caminhadas – oferecem a possibilidade de desfrutar de uma das naturezas mais intocados do mundo.  

3. África do Sul

O clima tropical da África do Sul faz do país uma possibilidade incrível de viagem de verão. As estações se dão na mesma época que o Brasil, e entre dezembro e fevereiro as temperaturas secas podem chegar a 35 graus. Dos safaris, praias espetaculares até algumas das melhores vinícolas do mundo, a África do Sul oferece uma imensa variedade de atrações para uma viagem inesquecível.

OUTONO

4. Uruguai

Entre março e junho, o outono no Uruguai é o período perfeito para conhecer o charme de um dos mais agradáveis países da América Latina. Período mais seco do ano, a temperatura amena – entre 12 e 20 graus – permite longos passeios por Montevidéu, por exemplo, sem ter de enfrentar o frio rigoroso ou o calor intenso que também acometem o país – com a beleza da coloração avermelhada das árvores e o tapete de folhas caídas que cobre a capital especialmente verde que é Montevidéu.

5. Portugal

O outono em Portugal, entre setembro e o início de dezembro, traz com a queda das folhas a chuva para o país. Não é preciso, porém, se assustar: apesar do friozinho que começa a despontar, trata-se de uma das temperaturas mais amenas da Europa. A temperatura só traz mais charme para Lisboa e a cidade do Porto. Aproveite para passear pelos belíssimos parques e calçadas assistindo o charme das árvores vermelhas e das folhas pelo chão que marcam a cara do outono europeu.

6. Estados Unidos

A dimensão continental faz com que os EUA tenham, para cada estação, diversas intensidades de temperatura e clima em geral. Assim, escolhemos o destino mais óbvio e, ao mesmo tempo, mais lindo: Nova York. Os diversos parques que cruzam a cidade (e como não pensar no Central Park?) simbolizam o imaginário do outono, com as árvores avermelhadas e as folhas no chão, entre setembro e dezembro – quando o frio começa a despontar mais ainda não nos castiga, tornando a temperatura agradável em uma das cidades mais vibrantes do mundo.

INVERNO

7. Argentina

Toda a Argentina se torna um lugar especial durante o inverno, com frio forte e o charme europeu que marcam o país. Há, porém, alguns locais especiais e menos óbvios, como a Terra do Fogo, Ushuaia (a cidade mais ao sul do mundo, onde é possível ver baleias, focas e muitos outros animais) e El Calafate, para visitar as geleiras do Parque Perito Moreno. No inverno de nossos hermanos – entre junho e setembro – é possível esquiar, comer muito bem ou simplesmente curtir a beleza de sua capital, Buenos Aires, devidamente encasacado no prazer do frio.

8. Canadá

Resultado de imagem para canadá

Se você quer mergulhar no frio intenso e as botas na neve, o Canadá é seu destino de escolha. Entre dezembro e março, as temperaturas podem chegar a até -24 graus, e por isso é fundamental estar preparado. Além da beleza da neve cobrindo o país, é um local perfeito para a prática de esportes de gelo, como esqui, snowboard, hóquei e patinação e os tantos festivais de inverno que acontecem no país – sempre apreciando a beleza das montanhas cobertas de neve.

9. Chile

Outro país vizinho que oferece uma experiência muito mais intensa de frio no inverno é o Chile  – que, entre junho e setembro, as temperaturas na capital Santiago podem chegar aos graus negativos. Nas diversas estações de esqui que o país oferece, porém, os termômetros chegam a marcar -18 graus! Se esquiar é seu desejo para o inverno, o Chile é perfeito, sendo possível se hospedar nas montanhas ou conhecer a cordilheira dos Andes viajando para um país próximo ao Brasil.

PRIMAVERA

10. Holanda

Entre os meses de março e maio a primavera transforma a Holanda em um verdadeiro festival de flores. O destaque vai para o parque Keukenhof, na capital Amsterdã, considerado por muitos o parque de flores mais lindo do mundo – com mais de 7 milhões de bulbos de tulipas decorando o passeio. As tulipas e flores, porém, estão espalhadas pelo país, que se torna um jardim inacreditável em beleza durante a primavera.

11. Itália

A primavera é considerado período de baixa temporada na Itália, então a volta do verde ao país traz também preços mais em conta. É o período no qual, pelas temperaturas mais amenas, é possível aproveitar o país em todas as suas tantas atrações: museus, passeios, parques, flores, viagens de barco, festas ao ar livre, monumentos, ruínas, paisagens do interior e mais. De bicicleta ou a pé, a primavera permite que se conheça um país ancestral e tão belo quanto a Itália sem qualquer limite.

12. Índia

Desde antes de Cristo que a chegada da primavera na Índia é celebrada em uma das mais belas e antigas festas populares do mundo: o Holi, ou Festival das Cores. Realizado em todo o país entre fevereiro e março – com força especial na região norte da Índia. As cores são atiradas amigavelmente entre pessoas em pós coloridos, transformando a população nas ruas em verdadeiras flores. Além das cores, a festa é marcada por abraços e muita alegria pela chegada da primavera.

É possível, portanto, agendar a viagem de seus sonhos para qualquer época do ano, e desfrutar das mais variadas maravilhas nos lugares mais diversos do planeta. Não importa quão longe seja seu destino, porém, não é preciso perder o contato com suas raízes, e se isolar das pessoas que nos esperam em casa. Para isso a Claro oferece as vantagens do Passaporte Mundo, que permite que o cliente utilize seu plano Pós Ilimitado em 80 países.

Fonte:via