Assim são as raríssimas nuvens de Marte

O rover Curiosity da NASA acabou de ver um evento raramente visto em Marte: um dia nublado. A agência compartilhou imagens de nuvens “brilhantes” (produzidas por cristais de gelo refletindo luz) que começaram a aparecer sobre o local em que a Curiosity está localizada desde o fim de janeiro. Elas são comuns aqui na Terra, mas são raras em um planeta com uma atmosfera tão rarefeita e até levaram a uma descoberta nova!

A equipe da missão determinou que essas nuvens são mais altas do que o normal para Marte, flutuando bem acima da altitude máxima de 60 km para as nuvens de gelo de água do planeta. Isso levanta a possibilidade de que são nuvens de gelo secas formadas a partir de dióxido de carbono congelado, e podem revelar mais sobre o céu marciano.

NASA/JPL-Caltech/MSSS

A NASA observou que as nuvens eram mais fáceis de ver com as câmeras de navegação preto e branco da Curiosity, mas que a câmera de mastro colorida produziu melhor brilho.

Este pode não ser o evento mais emocionante em Marte no momento. No entanto, serve como mais um lembrete de que o planeta não é um conjunto estático de imagens. Marte é um mundo dinâmico com clima em constante mudança, mesmo que não seja tão animado como era no passado distante. Fonte via [Engadget]