Artista recria personagens da Disney como pinturas a óleo e o resultado é de cair o queixo

Estamos tão acostumados a ver os clássicos personagens da Disney com efeitos de tecnologia gráfica, que não paramos para pensar como eles seriam se fossem pinturas a óleo, como os quadros de antigamente. Pois foi exatamente isso que a artista norte americana, Heather Theurer, fez ao associar personagens como Dumbo e Pequena Sereia a uma estética renascentista.

Em busca de novos significados para estes desenhos, seu objetivo não foi fazer simples releituras, mudando apenas o suporte, mas, sobretudo, ressignificar estes personagens e nos mostrar que, a percepção que temos deles também pode mudar.

É mais fácil imaginar e se aproximar de Alice ou Rapunzel, elas sendo mulheres retratadas por um pintor renascentista, do que desenhos animados. Aproveitando certas características físicas dos personagens, essenciais para que os reconheçamos, o objetivo de Heather foi o de mostrar o lado humano deles, evidenciando suas lutas, derrotas e esperanças.

Peter Pan e Wendy

Sr. Sapo

Tiana

Bela

Ariel

Dumbo

Lilo & Stitch

Merida

Mulan

Elsa, Anna e Olaf

Alice

Cinderela

Rapunzel

Fotos: Heather Theurer /fonte:via

Anúncios

Artista imagina as princesas da Disney em capas de filmes de mistério da década de 1940

Nós estamos acostumados com as princesas clássicas da Disney sendo lindas mulheres perfeitas, vivendo em castelos, andando em carruagens ou cavalos e, rodeadas de súditos. Vários artistas já trouxeram essas personagens para os dias de hoje, tentando imaginar como elas seriam se vivessem em 2018 ou, até mesmo se tivessem algum tipo de distúrbio ou deficiência. Porém, você já parou pra pensar se elas fossem personagens principais de filmes de suspense?

Foi isso que o ilustrador, Astor Alexander, baseado em São Diego – Califórnia fez ao imaginar como seriam as princesas vivendo em filmes da década de 1940, na série “Noir Princesses“. Dessa vez, as princesas não são nada certinhas e utilizam sua beleza e sensualidade para lidar com dinheiro, crime e política. Mais uma maneira criativa de falar sobre o ideal de perfeição, que tanto ronda as mulheres, sobretudo as princesas da Disney.

Fotos: Astor Alexander /fonte:via

Acusada de embranquecimento, Disney redesenha ‘Princesa Tiana’ em ‘Detona Ralph’

Desde a primeira aparição da Princesa Tiana em Detona Ralph, a Disney foi alvo de inúmeras críticas por causa do tom de pele mais claro e traços distante do fenótipo de uma mulher negra da personagem.  

A pressão aumentou e grupos com o Color of Change – instrumento de combate ao racismo sistêmico disseminado por muitos veículos de comunicação, a gigante do cinema mundial resolveu voltar atrás.

Segundo noticiou o The Wall Street Journal, a Disney se comprometeu em redesenhar a Princesa Tiana, desta vez com características mais próximas a de uma mulher negra. A decisão vem, sobretudo, por causa dos insistentes pedidos de Anika Noni Rose, a atriz responsável pela voz da personagem.

No Twitter, Rashad Robinson, presidente da Color of Change, comemorou a decisão. “Grande notícia. Por causa dos membros da COC (Color of Change), a Princesa Tiana vai ser redesenhada desta vez mantendo a forma original. Agora, garotas negras vão poder assistir Detona Ralph e encontrar a princesa com uma cor de pele que realmente parece com as delas”.

Na versão anterior, Tiana aparecia com a pele visivelmente embranquecida e com um cabelo mais para o cacheado. Além disso, a princesa possuía traços finos.

“Assim eu posso apresentar para as meninas (e adultos também) a importância da representatividade por meio do tom de pele, do nariz arredondado, que agora vão ser retratados com maestria no filme”, encerrou  Anika Noni Rose.

Fotos: Reprodução/fonte:via

Princesas da Disney com distúrbios e deficiências passam importante mensagem

Arien Smith é um sobrevivente. Ele sofreu abuso sexual e convive com o Estresse Pós-Traumático desde então. Duas coisas o ajudam a lidar com a questão: ajudar pessoas que passaram por dificuldades parecidas e a companhia de um cão de serviço.

Decidido a juntar as duas coisas, Arien criou o projeto Royal Service Dogs (“Cães de Serviço Reais”), em que retrata princesas da Disney convivendo com distúrbios ou deficiências e a ajuda que os cães de serviço podem prover a pessoas com esses problemas.

“Faltam personagens populares para representar indivíduos com deficiências visíveis e invisíveis”, escreve. Sobre as criações artísticas, Arien afirma que é ao mesmo tempo “uma crítica sobre a falta de personagens com deficiência e um apelo pelos direitos dos deficientes”.

“Cinderella tem fibromialgia, uma condição invisível, mas que pode ser difícil para muita gente. Seu cão de serviço a ajuda a tirar o sapato”

“Rapunzel sofre de Estresse Pós-Traumático e Transtorno de Múltiplas Personalidades. Seu cão de serviço a ajuda a sair de um estado dissociativo forte, fornecendo estímulo tátil para conforto”

“Tiana tem autismo e seu cão de serviço não está fazendo nada específico na imagem, mas as atividades para pessoas com autismo incluem estímulos táteis, interrupção de comportamentos fisicamente prejudiciais, orientação durante episódios de super estimulação e técnicas para acalmar a ansiedade”

“Bela sofre de Transtorno de Ansiedade Generalizada. Seu cachorro está numa postura de bloqueio, assim ela pode ser alertada caso alguém se aproxime por suas costas (algo que pode acionar uma crise de ansiedade).”

“O cão da Branca de Neve está a alertando sobre uma substância à qual ela é alérgica em sua comida. (no caso, maçãs)”

“A Bela Adormecida sofre de narcolepsia, e seu cão de serviço está apoiando sua cabeça durante um episódio de sono durante o dia”

“Pocahontas é reimaginada com diabetes, e seu cão de serviço atua dando avisos com as patas ou o focinho caso o nível de açúcar em seu sangue fique muito alto ou muito baixo”

Imagens © Royal Service Dogs /fonte:via

Ele criou finais tristes para filmes da Disney que vão te fazer refletir sobre a vida

O trabalho de Jeff Hong tem o poder de nos encantar e incomodar ao mesmo tempo.

Um dos principais atributos do artista é a maneira como ele transporta personagens dos filmes da Disney para os dias de hoje. A presença destes seres icônicos em imagens que retratam problemas bastante atuais – e outros quase atemporais – nos convida a refletir sobre a sociedade em que estamos vivendo.

Já mostramos o trabalho de Jeff antes aqui e aqui, mas imagens mais recentes de sua série Unhappily Ever After (que poderia ser traduzida como “Infelizes para sempre“) chamam a atenção por trazerem novos personagens em situações que preferíamos que nem mesmo um desenho animado precisasse enfrentar…

Vem ver: 

Fotos: Jeff Hong  /fonte via

Diretora de ‘Bao’, da Pixar, compartilha receita de massa de sua mãe com ilustrações fofas

 

O curta-metragrem Bao pode ser visto antes de Os Incríveis nos cinemas. E, embora não seja considerado a “atração principal”, está arrancando suspiros por seu olhar sensível sobre a maternidade e a “síndrome do ninho vazio”.

A animação foi escrita e dirigida por Domee Shi. Ao longo de oito minutos, acompanhamos a história de uma mãe que cozinha bolinhos de massa asiáticos até que um deles ganha vida.

Domee faz parte de família de imigrantes chineses no Canadá e a história contada na animação retrata também um pouco de suas experiências pessoais. No último dia 25, a diretora compartilhou a receita dos bolinhos feitos por sua própria mãe com os seguidores da página da Walt Disney no Facebook.

Trailer de Dumbo com direção de Tim Burton é divulgado

Os apaixonados pelo trabalho de Tim Burton já têm motivos para comemorar: o próximo filme do diretor será lançado em março de 2019.

Trata-se de uma versão de Dumbo que mistura atores reais com personagens de animação, como o elefantinho que voa. Neste mês, o canal oficial Disney Movie Trailers lançou o primeiro teaser da nova aventura no Youtube, que já foi visto mais de 10 milhões de vezes até o momento em que este texto foi escrito.

De acordo com o canal, o filme “expande a amada história clássica em que as diferenças são celebradas, a família é querida e os sonhos alçam voo“. Danny DeVito, Colin Farrel, Nico Parker e Finley Hobbins estao entre os atores escalados para a produção.

Acompanhe todas as novidades sobre Dumbo através do Facebook, Instagram e Twitter.

Fotos: Reprodução YouTube/fonte:via