Para Elizabeth Moss, de ‘Handmaid’s Tale’, série está se tornando realidade: ‘Acordem!’

Quando Margaret Atwood escreveu o romance The Handmaid’s Tale, em 1984, nunca imaginaria que, mais de 30 anos depois, seus personagens ganhariam vida nas telas da televisão.

Atualmente, a série homônima se tornou um sucesso ao estrear no serviço Hulu. Ela conta a história de um governo totalitário e religioso em que as mulheres não têm direito de trabalhar, possuir propriedades, controlar dinheiro ou mesmo ler. Nesse cenário, um grupo de mulheres férteis é escravizada pela elite dominante e precisa se submeter a uma série de estupros para gerar os filhos de seus “mestres”.

Atriz e produtora da série, Elizabeth Moss falou sobre suas semelhanças com a realidade ao jornal The Guardian.

Eu odeio escutar que alguém não pode assistir [a um episódio] porque é muito assustador. Não é porque eu me importo se alguém vê ou não meu programa; eu não dou a mínima. Mas eu penso: ‘Sério? Você não tem colhões para assistir a um programa de TV? Isso está acontecendo na sua vida real. Acorda, gente. Acorda.

A segunda temporada da série estreou no dia 25 de abril no Hulu, serviço de streaming semelhante à Netflix. Assista ao trailer da produção no vídeo abaixo:

Foto: Reprodução Hulu/fonte:via

Anúncios

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Foi só estrear na Netflix em outubro que a série Mindhunter já ganhou os corações dos apaixonados por suspenses criminais. Os 10 episódios produzidos por David Fincher e Charlize Theron remetem logo o espectador para um cenário americano da década de 70 e as críticas não param de elogiar o visual da série. Mas você sabe de onde veio a inspiração para criar as cenas?

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Se os crimes retratados na trama são inspirados em histórias reais, a fotografia tem uma forte pegada da obra de Stephen Shore, como o diretor de fotografia da obra, Erik Messerschmidt, relatou ao Artsy. De acordo com a entrevista, a fotografia de Stephen Shore traduzia perfeitamente o visual que a série estava buscando, mostrando a vida nas estradas e pequenas cidades americanas durante os anos 70.

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Uncommon Places”, a série mais conhecida do fotógrafo, retrata os Estados Unidos desta década durante uma road trip feita por Shore quando tinha pouco mais de 20 anos. As imagens mostram cenas comuns captadas em pequenos vilarejos do país. O foco é nos lugares, quase sempre desprovidos de pessoas, o que causa a estranheza que era necessária a um thriller psicológico como o da Netflix.

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Quem é o fotógrafo que inspirou o visual sensacional de ‘Mindhunter’, da Netflix

Mindhunter retrata a vida do agente do FBI Holden Ford, interpretado por Jonathan Groff, que busca entender como as mentes dos assassinos funcionam. Durante esse processo, ele entrevista serial killers em diversas regiões dos Estados Unidos. Se ainda não assistiu, está na hora de dar uma olhada no trailer da série:

Fotos: Stephen Shore /fonte:via