Idosos provam que você não precisa se preocupar com as tattoos quando envelhecer

Hypeness

Ainda que a pele seja de cada um, é comum que pessoas com uma ou várias tatuagens sejam questionadas sobre seu gosto por essa forma de arte e expressão. “E quando você envelhecer?” é uma das questões mais ouvidas.

O coletivo de artistas holandês GetOud produziu um livro e uma exibição chamados ‘TattooAge. Never too old’ (algo como “Idade para tatuar: nunca velho demais”), em que vários idosos foram fotografados exibindo as tattoos em suas salas de casa.

Foram 25 personagens retratados no total, entre pessoas que fizeram a tatuagem como presente para os netos ou para lembrar sempre de alguém amado que já partiu. Há pessoas que têm tatuagens há muitos anos, e também quem só fez a primeira depois dos 80.

Hypeness

Hypeness

Hypeness

Hypeness

Hypeness

Hypeness

Hypeness

Fotos via GetOud /fonte:via

Anúncios

10 tatuagens geniais que se transformam quando você dobra braços ou pernas

O mundo da tatuagem se renova de tal forma em estilos e técnicas que os limites para onde os desenhos que fazemos em nossas peles podem ir simplesmente não existem. Lembram daquelas ilusões de ótica que vinham em revistas, em que uma imagem, quando dobrada e sobreposta se tornava outra? Pois essa é a novidade em tatuagens que vem conquistando cada vez mais adeptos – e o tatuador francês Veks Van Hillik é um mestre na técnica.

Para construir a ilusão perfeita, e efetivamente formar outro desenho quando um membro do corpo se dobra, é preciso que o tatuador desenhe livremente, sem seguir uma base prévia, a fim de construir a tatuagem com os movimentos do corpo. O resultado é incrível e intrigante, ou fofo e belo – dependendo da posição do seu braço ou perna.

1.

2.


3.

4.


5.


6.


7.


8.

9.

10.

© fotos: reprodução/fonte:via

Este tatuador francês é o mestre do realismo em preto e cinza

O francês Eliot Kohek sempre gostou de desenhar, mas jamais teve educação formal ligada à arte. Nem tinha tanto interesse pela tatuagem até que, aos 19 anos, foi a um evento sobre o tema e descobriu que era aquilo que ele queria fazer pelo resto da vida.

Não demorou muito para ele se demitir do emprego e encontrar um tatuador que deixasse Eliot o observar trabalhando para pegar as manhas do negócio. Ele treinou os primeiros riscos em vários amigos que se dispuseram a ajudar, e logo se especializou no realismo feito apenas com tintas preta e cinza.

Em uma entrevista para o site francês Inkage, Eliot disse que o estilo hiper-realista o atraiu desde o início, porque é o “mais intrigante e que mais provoca reações nas pessoas”.

Ele já trabalha como tatuador há quase dez anos, e é capaz de criar obras tão incríveis que parecem que ganharão vida e saltarão da pele a qualquer momento.

Fotos: reprodução /fonte via

Conheça o trabalho de 19 tatuadores do norte e nordeste que precisam ser divulgados

O mercado dos tatuadores é cada dia mais extenso no Brasil. Porém, a divulgação e valorização de profissionais dessa área ainda esbarra no regionalismo, que acaba priorizando e, muitas vezes, dando espaço apenas para aqueles que residem na região sul e sudeste do país.

Nessa onda, diversos tatuadores de outras regiões, como norte e o nordeste, acabam não tendo possibilidade de divulgar seus trabalhos e atingir mais pessoas.

Nós aqui do Hypeness queremos ajudar a acabar com essas barreiras e, por isso, listamos 20 tatuadores com trabalhos inspiradores e que vão te dar aquele empurrãozinho que faltava para você sentar na cadeira e encarar a agulha.

1. Fernando Chavez – Boa Vista (RR) 

2. Raf Ximenes – Natal (RN) 

3. Pablo Jorge – Natal (RN)

4. Renan Vitor – Natal (RN) 

5. Nando Zevê – Recife (PE)

6. Rangel Tattoo Studio – Salvador (BA)

7. Caio Carvalho – Fortaleza (CE)

8. Ana Clara – Fortaleza (CE)

9. Mariana Duarte – Fortaleza (CE)

10. Melvis Cavalcanti – Salvador (BA)

11. Igo Urtiga – Maceió (AL)

12. Isabelle Santos – Maceió (AL)

13. Eduardo Magão – Recife (PE)

14. Markito Tattoo – Manaus (AM)

15. Cebolastattoo – Manaus (AM)

16. Paulo Raphael Tattoo – Belém (PA)

17. Paulo Leonardo – Belém (PA)

18. Junior Garcez Tattoo – Aracaju (SE)

19. Shay – Aracaju (SE)

Fotos: reprodução/fonte:via

As maravilhosas e delicadas tatuagens do artista coreano Hongdam

14088563_1683322968655588_7712056543566761067_n

Não cansamos de dizer que as tatuagens são uma forma de arte, e, como os artistas de outras áreas, tatuadores também têm seus estilos próprios: surrealista, aquarela, pontilhismo, trash… O coreano Hongdam manda muito bem no minimalismo!

Morador de Seul, o tatuador tem traços leves e delicados, caprichando em cada pontinho de tinta. Observando seu trabalho, é possível perceber que ele é detalhista, fazendo questão de trabalhar bem formatos, cores e texturas, fazendo de pequenos desenhos obras complexas e cheias de beleza.

Confira:

14039928_1681605178827367_2227798002462320980_n

14022113_1680871692234049_7279378476814692625_n

14088563_1683322968655588_7712056543566761067_n

14089227_1687716341549584_3433524900035592695_n

14064158_1679266015727950_2128275398701324676_n

14055054_1685931968394688_259616336600822506_n

14292477_1694865304168021_3430178046175840138_n

14344804_1694866290834589_2662335180075692855_n

14195230_1690509961270222_8544729746861579979_o

14191966_1688971694757382_2110694719094472379_n

14184339_1691936747794210_217330809407732727_n

14183943_1686519068335978_2718429793535615231_n

14141650_1687716814882870_7211098385457518376_n

14212042_1688340754820476_7102978874087439919_n

14238162_1691935947794290_6244979952283578242_n

14238190_1693645910956627_5715973895600432202_n

13876653_1679265079061377_1891700341121674743_n

14079523_1687172694937282_5048204715296507308_n

14100331_1688340364820515_2905913314184246722_n

14100472_1687171108270774_7682758597218484881_n

Todas as fotos © Hongdam

Você pode acompanhar o trabalho do artista em suas páginas no Facebook ou Instagram!

Fauna e flora inspiram tatuadora a misturar cores e criar desenhos únicos

Com um interesse de muitos anos na flora e fauna, a artista Emily Kaul, de Portland, é especializada em “arte em aquarela inspirada em nosso maravilhoso mundo natural”. Originalmente, esse interesse culminou em uma coleção de obras em papel. Eventualmente, Emily voltou sua atenção para a arte corporal, transformando seus próprios desenhos inspirados na natureza em tatuagens expressivas e empoderadoras.

A decisão de passar a tatuar temas da natureza foi moldada por sua mudança para o Havaí. Enquanto vivia na Ilha Grande, ela fez sua primeira tatuagem, uma experiência que revelou a ela “o imenso poder que essa forma de arte poderia trazer”. Interessada em apresentar outras pessoas a essa experiência fortalecedora, ela decidiu entrar para a nova profissão quando voltou ao Noroeste do Pacífico, onde ela “criaria um espaço onde as pessoas pudessem abraçar totalmente o seu verdadeiro eu com tatuagens como meio de expressão”.

Com um senso de equilíbrio e uma abordagem diferente para o design, cada tatuagem de Emily apresenta um esboço preto de uma planta ou animal em um cenário de tons combinados. Inspirados pela aquarela, esses círculos adicionam cores aos delicados desenhos de linha sem dominá-los. A artista espera que seus projetos harmoniosos “curem, inspirem e capacitem” seus clientes com sua beleza estética e suas qualidades expressivas.

Confira algumas imagens:

Fotos: @emily_kaul /fonte:via

Estilo, elegância e realismo são a marca registrada das tatuagens de Oscar Åkermo

15 anos de idade e uma ideia na cabeça: ser tatuador. Foi assim que o sueco Oscar Åkermo começou sua jornada, criando as próprias máquinas usando motores e cordas de guitarra. Aos 16, comprou as primeiras máquinas profissionais e pôde dar um salto de qualidade.

Hoje, Oscar tem 23 anos e vive em Nova York, tatuando no reconhecido estúdio Bang Bang. Seu primeiro trabalho foi como aprendiz, aos 17 anos, e ele conta que muitos clientes mais velhos não o levavam a sério. Hoje, há quem o coloque entre os melhores tatuadores do mundo.

Ele diz que, no começo, fazia praticamente apenas tattoos old-school ou tradicionais, o que começou a ficar tedioso. Foi aí que ele passou a se dedicar ao realismo, desenvolvendo seu traço com muito estilo.

Apesar de dizer que ainda gosta de experimentar bastante para tentar encontrar o próprio estilo, Oscar acha que é possível descrever seu trabalho como “uma melancólica mistura de meus tatuadores favoritos, desde que seja sombrio, macabro, psicodélico ou apenas bonito”.

Ele experimentou várias formas de arte antes de se encontrar na tatuagem: tocou guitarra, fez esculturas, costurou, atuou e ainda gostava muito de fotografar, o que ele ainda faz, como hobby, ainda que as tatuagens demandem cada vez mais tempo.

“Muita coisa me inspira! Música, mitologia, cultismo, arquitetura e arte vitoriana, filmes de terror e ficção científica, além de artistas como Rembrandt, Da Vinci, Michelangelo e Salvador Dalí”, revela o tatuador.

Fotos via  Oscar Åkermo /fonte:via