Bangladesh quer se tornar o primeiro “país solar” do mundo

Em Bangladesh, a luz não costuma vir com o apertar de um interruptor. Quando o sol se vai, é a vela que ilumina os ambientes e a TV movida a bateria nem sempre pode ser bancada para alegrar a criançada com desenhos e filmes. Mas isso está para mudar. O governo criou um programa de incentivo ao uso de energia solar e até 2021 quer ser a primeira nação solar do mundo.

O objetivo é que cada residência do país conte com um sistema de painel solar e, se isso acontecer no mesmo ritmo de agora, a missão será cumprida rapidinho. O projeto já atende mais de 15 milhões de casas e tem uma taxa de crescimento impressionante: “Todos os meses, de 50 mil a 60 mil residências de Bangladesh são conectadas com o sistema de captação de energia solar. Em maio de 2014, mais de 80 mil conexões foram feitas”, afirmou Mahmood Malik, responsável pela administração do projeto, à Reuters.

Até mesmo as poucas casas que têm acesso à energia comum têm interesse no sistema solar, uma vez que, por lá, os blackouts são frequentes. Além do sistema residencial de energia solar, o governo planeja criar 50 mini estações de captação de energia limpa, com capacidade conjunta para fazer funcionar mais de 1.500 sistemas de irrigação agrícola. Energia limpa e acessível à população: palmas para Bangladesh!

bangladesh-solar

bangladesh-solar3

Fotos © Tentenuk

bangladesh-solar2

Foto © UKCDS

bangladesh-solar5

Foto © Ashden

5 comentários

  1. Pingback: Free The Sun – Um canceriano sem lar.

Deixe uma resposta para omiaudoleao Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s